Copa SP: Invictos, Paulista e Batatais se enfrentam pelo sonho do Pacaembu - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Copa SP: Invictos, Paulista e Batatais se enfrentam pelo sonho do Pacaembu

21/01/2017

Copa SP: Invictos, Paulista e Batatais se enfrentam pelo sonho do Pacaembu

Paulista e Batatais se enfrentam neste domingo, a partir das 10h da manhã, no estádio Jayme Cintra, pelas semifinais da Copa São Paulo de futebol junior. Ambos terão 90 minutos para mostrar que podem continuar em frente com um sonho: de estarem presentes na decisão da competição, no próximo dia 25 de janeiro, às 10h da manhã, no estádio do Pacaembu, na capital paulista. Ambos chegam a está fase invictos. E nem querem conhecer neste final de semana o sabor amargo da derrota, nem mesmo na disputa de penalidades, que pode ocorrer em caso de empate no tempo regulamentar.

O time jundiaiense, do técnico Umberto Louzer, venceu todos os sete jogos que disputou na competição. Foram seis vitórias por 1 a 0, e um êxito por 2 a 1. Alguns criticam a quantidade baixa de gols que a equipe anotou na Copinha, já que marcou apenas 8 gols, mas em compensação, o Galo fez gols em todas as partidas. A defesa somente recebe elogios, já que sofreu apenas um gol em toda a competição, sendo a melhor entre todos os participantes.

Campanhas
PTS
VIT
EMP
DER
V PEN
GP
GC
Corinthians
21
7
0
0
0
25
6
Paulista
21
7
0
0
0
8
1
Juventus
18
6
0
1
0
10
5
Batatais
18
4
3
0
3
14
8

No Batatais, o time tem um ataque que marca gols: foram 14, sendo o 2º melhor entre os semifinalistas. A defesa é a pior em gols sofridos entre todos os quatro classificados, já que sofreu oito gols. Mas nas duas últimas partidas, o setor mostrou consciência, sendo fundamental para ajudar o clube a chegar a esta fase. Sofreu apenas um gol em dois jogos, e conseguiu na partida passada segurar apenas o ataque do atual campeão brasileiro sub-20, o Botafogo-RJ. O time também está mostrando uma eficiência na disputa de pênaltis, pois das quatro fases eliminatórias anteriores, em três precisou garantir sua vaga nos tiros livres da marca da cal, eliminado Ferroviária, Ponte Preta e Botafogo-RJ.

Nos times, o Paulista terá que fazer mudanças em virtude de suspensões por conta de cartão amarelo. O lateral Zunquinha e o volante Acorsi, receberam na vitória contra a Chapecoense a sua segunda advertência na competição, e assim terão que cumprir a automática e ficam de fora da semifinal. No lugar do lateral deverá entrar Luciano, que é atacante de origem, mas já atuou algumas vezes na faixa direita do setor defensivo. No meio de campo, na vaga de Acorsi entra Moisés, meia de origem, que deverá atuar como 2º volante como liberdade. Moisés, retorna ao time, após cumprir suspensão na rodada passada. Também retornam pelo mesmo motivo o zagueiro Maurílio e o meia-atacante Criciúma. Eles entram no lugar de Robert e Adame, respectivamente. No Tricolor, nove atletas jogam pendurados, e se levarem um cartão amarelos, e o clube avançar de fase, não jogam no Pacaembu na quarta-feira. São eles: o goleiro Enzo, os zagueiros Matheus e Victor Lopes, o lateral Alemão, o volante Paulinho, os meias Adame e Vitor Hugo e os atacantes Artur e Molter.

No Batatais, o treinador Paulo Lippi não tem nenhum jogador suspenso para semifinal em virtude de cartões. Mas seu time já teve dois atletas suspensos por duas vezes na competição: o atacante João Vitor e o volante Everton Morelli. Ambos já ficaram de fora por duas partidas, pois na Copinha já receberam quatro cartões amarelos. Ambos jogam neste domingo contra o Galo. No Fantasma, nove atletas jogam pendurados com um amarelo e se receberam uma advertência, e o time avançar a decisão, ficam de fora: Mauricio, João Pedro, Victor Rafael, Igor Honorato, Leonardo Alves, Douglas, Murilo Carneiro, Higor Marcelo e Igor Tostes.


Paulista
Batatais

4-2-3-1
4-2-2-2

1 - Enzo
20 - Luciano
5 - Maurílio
14 - Matheus
6 - Alemão
7 - Paulinho
8 - Moisés
23 - Vitor Hugo
10 - Brayan
11 - Criciúma
15 - Molter
12 - Gersinho
13- Wislem
4 - Zé Rufino
14 - Léo Alves
6 - Igor Tostes
5 - Everton Morelli
7 - Douglas
8 - Maurício
10 - Murilo
 9 - João Vitor
11 - Thales
Técnicos:
Umberto Louzer
Paulo Lippi

Árbitro: Lucas Belotte; Auxiliares: Tatiane Sacilotti e Anderson José de Moraes

Thiago Batista – Esporte Jundiaí