Era uma felicidade... Paulista cede virada para o Desportivo no final do jogo - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Era uma felicidade... Paulista cede virada para o Desportivo no final do jogo

15/03/2017

Era uma felicidade... Paulista cede virada para o Desportivo no final do jogo


Por Thiago Batista - Direto de Porto Feliz
Fotos: Thiago Batista
Cobertura especial junto com o programa Fala Boleiro



O Paulista vencia a sua segunda partida como visitante nesta Série A-3 do Campeonato Estadual até aos 44 minutos, quando Iago socou errado uma bola que acabou entrando no fundo do gol. No fim, jogando em Porto Feliz, na tarde desta quarta-feira, o Tricolor cedeu dois gols e acabou derrotado para o Desportivo Brasil por 2 a 1. Neste momento, o Paulista estaciona nos 10 pontos e está em 18º lugar ficando a quatro pontos de sair da zona de rebaixamento que é aberta pela Portuguesa Santista.


O Galo agora terá dois jogos contra os lanternas do campeonato, no qual terá que fazer pontos para escapar da queda: enfrenta sábado o Independente, no Jayme Cintra (15h) e na quarta-feira seguinte encara o Catanduvense, como visitante (19h30).


O treinador Sérgio Caetano montou um Paulista com um esquema de três volantes: Dick mais plantado, com Rafael Branco atuando mais pela direita e Brendon na esquerda. No inicio do primeiro tempo, o time jogou conseguiu dominar mais o meio de campo, roubando muitas bolas. Em algumas oportunidades o próprio time de Porto Feliz ofereceu a bola.


Como aos 12 minutos, num erro de passe do zagueiro Glauco, que a bola foi nos pés de Pitty, que puxou o contra-ataque e tocou na direita para Ingro, que no arremate foi em cima da zaga rival. Aos 18 minutos, o Tricolor levou perigo em cobrança de falta, que Fabão desviou e Landis na hora H fez o corte. Três minutos depois uma grande defesa do goleiro Gilberto, em cabeçada de Pitty, na qual fez a defesa.

O Paulista teve uma boa oportunidade nos acréscimos do primeiro tempo, com Douglas descendo bem na esquerda e tocando para Willian Dias, que dentro da grande, fez um giro como pivô de futsal e chutou por cima do gol.

No segundo tempo, o Paulista aproveitou a primeira chance que teve. Aos 9 minutos, Willian Dias, sem marcação arriscou chute de fora da área e acertou um belo gol. 1 a 0 para o Tricolor.



O Galo apesar de melhor na partida, quase sofreu o empate aos 19 minutos. Em cruzamento de Moacir, Édipo mandou forte cabeçada quase na pequena área, e Iago a queima roupa fez grande defesa. A resposta do Paulista ocorreu aos 28 minutos, com Willian Dias. Ele chutou duas vezes de fora da área. Na primeira, ele mandou uma bomba que o goleiro Gilberto fez a defesa. No rebote, ele arriscou novamente, mas a bola foi por cima do gol.  



Nos minutos finais, o Paulista manteve o controle da bola, afastando o Desportivo Brasil do perigo. Mas aos 44 minutos, numa jogada de escanteio, Iago acabou socando a bola errado e acabou colocando praticamente contra. Júlio César ainda tocou por último antes de entrar. E nos acréscimos ele de novo, em jogada de bola parada - cobrança de falta levantada na área, Júlio César acabou marcando de cabeça o gol que decretou mais uma derrota do Galo na Série A-3.



2
DESPORTIVO BRASIL
1
PAULISTA
4-3-2-1
4-3-2-1
Gilberto
Luis Guilherme
Glauco
Diego Landis
Anderson Luis
Deda
Wendell
Jairo
➤Johnny
Edson Pio
Luis Guilherme
➤Moacir
Édipo
●● Julio César
Iago
Euzébio
Fabão
Gut
Douglas
➤Radsley
Dick
Rodolfo
Brendon
Rafael Branco
Pitty
● Willian Dias
Ingro  
Vechio  
Técnico
Caio Zanardi
Sérgio Caetano
Gols


Júlio César, aos 44min do 2ºT
Júlio César, aos 50min do 2ºT
Willian Dias, aos 9min 2ºT
Árbitro: Márcio Roberto Soares
Auxiliares: Fernando Ravelli / Edislanio Nunes
Público: 675 pagantes; renda R$ 3.500