Jogos Regionais e Abertos sofrem mudanças. Principal é o retorno do sub-21 - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Jogos Regionais e Abertos sofrem mudanças. Principal é o retorno do sub-21

09/03/2017

Jogos Regionais e Abertos sofrem mudanças. Principal é o retorno do sub-21

Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Foto: Site da Prefeitura de Jundiaí (arquivo)

A Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo (SELJ), após realizar reuniões em diversas regiões do Estado e um grupo de estudos, decidiu adotar mudanças em seus regulamentos dos Jogos Regionais e Abertos, algumas que eram demandas antigas de atletas, treinadores, municípios e instituições esportivas em geral. A principal é a adoção do vínculo de atletas para disputa dos torneios realizados pela entidade. A outra é o retorno da categoria sub-21. Apenas nos Jogos Regionais ocorreu a exclusão das divisões, algo implementando na edição de 2009 e ocorria até a temporada passada.

Com isso, os esportistas têm de estar registrados pelo mesmo município entre os dias 15 de março e 31 de dezembro de 2017. A medida atende ao pedido principalmente dos municípios, que solicitavam medidas no sentido de apoiar a formação e identificação de atletas por meio das cidades.

Outra novidade anunciada pela Secretária é o retorno das categorias sub-21 e livre nos Jogos Regionais, extinguindo a organização dos torneios por Primeira e Segunda Divisões neste torneio. Nos Jogos Abertos continuam a 1ª e 2ª divisões, e em algumas modalidades a disputa da divisão especial, formada basicamente por equipes profissionais.

As mudanças foram implementadas após a realização de um grupo de estudos, organizado em dezembro, na sede da secretaria e em cinco visitas do diretor de esportes da Secretaria, Marco Antonio Gonçalves Cardoso (conhecido como Batata) a diretorias e inspetorias regionais espalhadas pelo Estado.

O secretário da SELJ, Paulo Gustavo Maiurino, celebrou as mudanças realizadas após sugestões dos participantes das competições: “Os municípios sediam, organizam equipes e preparam os atletas para os torneios. Nada mais justo que ouvi-los e atender suas sugestões sempre que possível. Foi nesse sentido que nossa Diretoria de Esportes, bem como a Coordenadoria de Esporte e Lazer trabalharam intensamente até chegarmos a esse novo formato”, concluiu.