Teresa Orru, jornalista: Um mundo chamado futebol - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Teresa Orru, jornalista: Um mundo chamado futebol

08/03/2017

Teresa Orru, jornalista: Um mundo chamado futebol


Por Teresa Orru – jornalista
Fotos: Divulgação


Desde bem pequena o futebol sempre esteve presente em minha vida. Tenho lembranças de meu pai assistindo à partidas de futebol, seja de seu time do coração, o Corinthians, seja do Brasil, disputando Copa do Mundo. Sem falar que era bem comum eu, meus pais e minhas duas irmãs irmos ao "Campo do Radium" assistir às partidas do time da cidade, o Radium Futebol Clube, em Mococa-SP. Mas nunca me imaginei cobrindo uma partida.

Quando trabalhei no Jornal de Jundiaí, há alguns anos, fui convidada pelo editor de esportes a fazer parte daquela editoria durante os plantões. Confesso que fiquei bastante insegura, uma vez que não sabia quase nada de futebol, esporte que mais tem destaque no caderno. Mas com o tempo fui aprendendo um pouco sobre as regras desse mundo tão estranho até então pra mim.

No começo foi bem complicado, já que era tudo tão novo. Afinal, as lembranças futebolística estavam associadas ao meu pai, e não eu assistir às partidas com ele. Confesso que não me apaixonei tanto pela área como muitos colegas, mas tudo na vida tem seu aprendizado.

Entre tantas pautas realizadas, a que mais me marcou foi a final da Copa do Mundo de Clubes da FIFA, de 2012, em que o Corinthians foi campeão. Cobri o desespero de uma turma pra lá de animada, em Jundiaí, que sofria junto a seu time, com cada lance. Nesse dia pude entender um pouco tamanha paixão do torcedor, nesse caso chamado carinhosamente de "bando de loucos".