Em Jarinu, sub-15 e 17 do Red Bull vencem Mogi Mirim pelo Campeonato Estadual - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Em Jarinu, sub-15 e 17 do Red Bull vencem Mogi Mirim pelo Campeonato Estadual

29/04/2017

Em Jarinu, sub-15 e 17 do Red Bull vencem Mogi Mirim pelo Campeonato Estadual


Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Foto: Divulgação - Red Bull Brasil

Na manhã deste sábado, os times sub-15 e 17 do Red Bull entraram em campo pela quarta rodada do Campeonato Paulista para enfrentar o Mogi Mirim, no CT do time, em Jarinu, e não decepcionaram. Com gol de Rafael, o time até 15 anos venceu por 1 a 0, chegou aos 12 pontos, se manteve com 100% de aproveitamento e na liderança do grupo 5. O sub-17 contou com gols de Vitinho e Julio Cesar para ganhar por 2 a 0 e continuar na segunda colocação, com nove pontos. Os times voltam a campo no próximo sábado, contra o Atibaia, fora de casa.

Na partida do sub-15, não demorou muito para perceber que as propostas dos times eram bem diferentes. Enquanto o Touro ficava com a bola e buscava o gol, o Mogi Mirim se defendia como podia e apostava nos contra-ataques. Sem muitas chances claras de gol, coube a Lucas, em cobrança de falta, levar perigo e obrigar o goleiro do Mogi a fazer boa defesa e impedir o gol.

No segundo tempo, a equipe continuava pressionando e encurralando o adversário, que não deu nenhum chute a gol. Rafael, novamente em cobrança de falta, chutou no canto e parou no goleiro. Mas, a cinco minutos do fim, o camisa 10 apareceu novamente, desta vez para dar a vitória ao Red Bull Brasil. Em cobrança de escanteio de Rafael, a bola desviou na zaga e morreu no fundo da rede para a equipe de Jarinu seguir com 100% de aproveitamento na competição.

Se no Sub-15 o gol demorou para sair, no 17 aconteceu o contrário. Bastaram dois minutos para Vitinho, após boa jogada em cruzamento da esquerda, cabecear para abrir o placar. Com mais posse de bola, a equipe controlava a partida e não dava espaços para o Mogi atacar.

Na segunda etapa, o camisa 9 do Touro quase marcou seu segundo gol após receber na área chutar forte, mas a bola carimbou o travessão. Mas o gol não fez falta. Minutos depois, Vitinho deu lugar a Julio César, que demorou dez segundos para marcar. O atacante recebeu cruzamento após cobrança de falta e, também de cabeça, marcou o gol que decretou a vitória por 2 a 0.