Em jogo pegado e com 4 expulsões, sub-15 do Galo empata com a Ponte Preta - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Em jogo pegado e com 4 expulsões, sub-15 do Galo empata com a Ponte Preta

29/04/2017

Em jogo pegado e com 4 expulsões, sub-15 do Galo empata com a Ponte Preta


Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Fotos: Thiago Batista

A partida entre as equipes sub-15 de Paulista e Ponte Preta pela 4ª rodada do Campeonato Estadual pareceu uma partida profissional. Jogo pegado, com os dois times mordendo a bola, rodinhas de jogadores para reclamar de lances da arbitragem, pênalti “expulsões”. Quatro atletas – dois de cada lado foram “excluídos” da partida. Os cartões vermelhos são entre aspas, já que nesta categoria a arbitragem não pode mostrar cartões, pois uma lei federal considera que jovens menores de 16 anos aptos a receber cartões. No fim, a partida terminou com empate sem gols, com o goleiro David se tornando herói ao defender o pênalti cobrado por Maurício, a 3 minutos do final.Com o resultado, o Paulista chega a 2 pontos e sai da lanterna da chave. A Ponte com 7 pontos permanece na zona de classificação.


O primeiro tempo teve a Ponte Preta com mais posse de bola, mas algo que se tornou inútil, pois a Macaca não criou nenhuma chance de perigo, enquanto o Paulista levou mais perigo ao gol adversário, em duas boas jogadas do ataque, que a sobra ficou com o volante Thiago, que disparou o canudo, que passou perto do gol defendido por Da. Também se viu um Galinho valente, que diferente do primeiro jogo em casa, lutou por cada bola, mordendo muito no meio campo, não deixando a Ponte Preta respirar.


O segundo tempo foi pegado. Os dois times não davam espaços e cometeram muitas faltas. A arbitragem anotava os lances que era para amarelo em sua caderneta, e de tanto anotar começou a “expulsar” jogadores. Nesta categoria, o atleta que recebe o “cartão vermelho” ele é na verdade substituído (substituição disciplinar, que entra na cota das 5 mudanças que cada equipe tem por jogo). Na Ponte, foram “expulsos” o zagueiro Thiago e o atacante Léo. No Paulista, o volante Jean e o lateral Teodoro ganharam “o vermelho” da arbitragem.


O jogo teve emoção na etapa final. O Paulista teve uma bola na trave em cabeçada de Christopher, que o goleiro Da ainda fez a defesa. A Ponte teve um pênalti a 3 minutos do final, que foi cobrado por Maurício, e o camisa 1 do Galinho, David se esticou todo para fazer a defesa no seu canto direito, segurando o 0 a 0. A próxima partida do sub-15 do Paulista será fora de casa, no próximo sábado, contra o Mogi Mirim.

Escalação do sub-15 do Paulista no confronto contra a Ponte Preta
David; Rafael, Otávio, Alan e Teodoro; Jean, Thiago e Gustavinho; João Pedro, Vinicius e Christopher
Entraram no jogo: Vitor, Murilo, Ricardo e Leonarod.
Técnico: Valter Lopes