Série B do Amador de Jundiaí: Clubes analisam seus grupos - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Série B do Amador de Jundiaí: Clubes analisam seus grupos

07/04/2017

Série B do Amador de Jundiaí: Clubes analisam seus grupos

Diego Marques, do Mil e Quarenta, e Felipe Dias, do Grêmio Eloy estiveram participando da reunião
Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Foto: Thiago Batista

Os diretores dos clubes presentes na reunião que definiu os grupos da Série B do Campeonato Amador de Jundiaí nesta quinta-feira, analisaram como o sorteio definiu a vida deles nesta primeira fase. O Esporte Jundiaí ouviu opinião de alguns dirigentes.

Felipe Dias, do Grêmio Eloy: “Tem times bons e algumas desconhecidas na nossa chave. Vamos ter o clássico do bairro, contra o Eloyork, e isso é bom, deixa o nível alto. Estamos vindo com um time forte. A gente este ano está com proposta diferente, montamos dois times, A e B, e a nossa equipe é uma mescla das duas”.

Marcelo Santos, do CQC: “A chave que caímos é boa. Serão jogos bons, mas podemos classificar. A gente tem que respeitar todo mundo, mas a gente luta para estar entre os 8. E o legal deste ano, que o campeonato está bem organizado”.

Diego Marques, do Mil e Quarenta: “Estamos voltando este ano, e achamos bom o grupo que estamos. A gente por exemplo conhece alguns rivais, como o Grêmio Eloy, com quem enfrentamos no Regional. A gente vai lutar para se classificar”.

Rogério Eduardo, do Traviú: “O grupo que estamos no Amador é mais fácil, em relação a Copa Aramis Polli. A gente espera estar na segunda fase, pelos atletas que temos”.

Vitor "Mega", do Cai-Cai: “O grupo que estamos é forte. Vai ser bem disputado. O bom que o Amador este ano está organizado e a gente espera chegar este ano a 1ª divisão”.

Marquinhos, do Medeiros: “Acho que ficamos numa boa chave. Nossa primeira meta é passar a 2ª fase, estar entre os 16, pois a gente deseja pensar etapa por etapa”.

Kelson, Galáctico: “Foi um prazer nosso clube ter sido o 1º a ser sorteado. Se vai ser sinal de sorte, espero que sim, pois é a 1ª vez que estamos na Série B do Amador, e ser o 1º clube a ser sorteado é uma honra muito grande. A gente está se preparando bastante, já fizemos 12 amistosos, com 5 empates, 6 vitórias e apenas uma derrota. Com relação a chave, a gente já conhece CQC, Meninos da Vila, San José Tulipas, Bettercell, Strongcity e Bahia, são bons times, e jogos bons, mas nossa pretensão é ser um dos quatro finalistas”.

- Clique aqui e confira os grupos da 1ª fase da Série B do Amador