Copa Lance Livre: De virada, Asp derrota Alfa e está vivo na briga por vaga nas semifinais - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Copa Lance Livre: De virada, Asp derrota Alfa e está vivo na briga por vaga nas semifinais

15/05/2017

Copa Lance Livre: De virada, Asp derrota Alfa e está vivo na briga por vaga nas semifinais


Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Fotos: Thiago Batista

O Asp-fut está mais vivo do que nunca na briga por uma vaga no G-4 da Copa Lance livre de futsal. O time do técnico Cuco venceu o Alfa por 5 a 2, nesta segunda-feira, no ginásio do Bolão, em confronto que abriu a 8ª semana de jogos do torneio. O êxito foi de virada, contra um Alfa que lutou do início ao fim na partida.


Com a vitória, o Asp tem 10 pontos e está próximo dos ponteiros (Ideal Vila Rica lidera com 12 pontos). O Alfa com a derrota estaciona nos 4 pontos e tem poucas chances de estrar presente nas semifinais, se contendo em disputar o Torneio da Amizade.

A partida - O primeiro tempo foi bastante físico, com as duas equipes disputando cada bola como se fosse o último prato de comida. O primeiro gol foi aos 5 minutos e ocorreu de maneira inusitada. Chico, do Asp, tentou evitar o escanteio, a bola bateu no goleiro Oderi e entrou contra o seu patrimônio. 1 a 0 para o Alfa. No minuto seguinte ocorreu o empate do time varzino, com Risca-Faca. Mas o Alfa foi na frente no intervalo com o tento de Wagner, aos 15 minutos.


Na etapa final, o Asp logou chegou ao empate aos 2 minutos com Vitor. Com a igualdade, a equipe de Cuco começou ter mais a posse de bola e rondar o gol de Alecsandro. Mas foi na bola parada que o Asp virou, com Vitor, em uma bomba na cobrança de falta, aos 7 minutos: 3 a 2. Com a vantagem no marcador, a equipe varzina começou a rodar a bola com mais eficiência. Aos 10, Léo Brunelli, em belo chute fez 4 a 2.



O técnico do Alfa, André Soares, pediu tempo. Mas em vez de orientar sua equipe, usou mais da metade do tempo para acalmar seu time, especialmente Pedro Silva e Wagner que estavam discutindo. Só que o Alfa não conseguiu chegar com perigo ao gol adversário e ainda sofreu o 5º gol, com André, selando a vitória para a equipe do técnico Cuco.