Jundiaí pode receber centro olímpico de treinamento do basquete brasileiro - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Jundiaí pode receber centro olímpico de treinamento do basquete brasileiro

31/05/2017

Jundiaí pode receber centro olímpico de treinamento do basquete brasileiro

Centro de treinamento seria construído onde atualmente é o Antônio Ovídeo Bueno.
Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí
Foto: Thiago Batista

Segundo matéria publicada nesta quarta-feira pelo portal JundiAqui, a cidade de Jundiaí pode ganhar dentro de alguns dias o centro olímpico de treinamento do basquete brasileiro. Segundo a matéria, assinada por Edu Cerioni, tudo já estaria costurado entre administração municipal – através do prefeito Luiz Fernando Machado, e a direção da Confederação Brasileira de Basquete – através do novo presidente Guy Peixoto.

A reportagem informa que o Governo Federal é quem vai liberar uma verba de R$ 35 milhões, algo que ficou acertado ainda durante a administração passada. O local seria onde hoje atualmente fica o centro esportivo Antônio Ovídeo Bueno. A construção do centro olímpico de treinamento do basquete brasileiro seria uma das medidas da CBB para tentar convencer a Fiba (Federação Internacional de Basquete) a colocar ponto final na suspensão que vem desde novembro do ano passado ao basquetebol nacional, o que pode impedir do basquete masculino do Brasil de jogar as eliminatórias para a Copa do Mundo da modalidade, a partir do 2º semestre deste ano, o que deixaria de fora do Mundial de 2019, o que faria o basquete masculino brasileiro não disputar o torneio pela 1ª vez na história.

O Esporte Jundiaí entrou em contato com Luiz Trientini sobre o assunto. Ele respondeu o seguinte: “Está na dependência da construção do Centro de Excelência. Temos algumas conversas nesse sentido”, contou. O Centro de Excelência seria levantando no local onde justamente fica o Ovídeo Bueno. A obra era para ter sido iniciada em maio do ano passado – ainda na administração anterior, com a sua inauguração em fevereiro deste ano, mas até o momento nenhum tijolo foi levantado.

O Centro de Excelência, segundo o projeto original, para Jundiaí terá um ginásio principal com quadra oficial, vestiários, área de Imprensa e arquibancada para mais de mil pessoas, visando estabelecer um local adequado para as práticas de alto rendimento na cidade. Ao lado do ginásio vai haver um prédio anexo com quatro andares. O primeiro piso vai ter recepção lounge, restaurante, auditório e administração. O segundo vai abrigar academia, alojamento e vestiários, além de departamento médico e de fisioterapia. Já o terceiro vai contar com quatro quadras poliesportivas e o quarto piso vai ter alojamentos.