Propaganda 1 - Cabeçalho - 340x92

Thiago Batista: Apesar de você estar na UTI, eu digo: 108 vezes parabéns Paulista!

Por Thiago Batista - Jornalista – criador e responsável pelo site Esporte Jundiaí

Você pode não estar em um grande momento. Estar na UTI, buscando a sua recuperação para continuar vivendo. Sua doença pode demorar 1, 2 ou 3 anos para ser curada, devido ao estado que se encontra. Mas com o apoio dos seus amigos, das pessoas que mais te amam, você irá sair da UTI, ir para o quarto e depois estar de volta ao céu que existe na vida, e bem fortalecido.

É Paulista, atualmente tú parece um daqueles doentes terminais. Está na pior, mas aquelas que realmente gostam de você estão ao seu lado. Nunca irão te abandonar, igual os verdadeiros amigos quando uma pessoa está doente e precisa daquele apoio. E não é porque você está em um momento difícil, que você não mereça os parabéns por mais um ano de vida. Pois apesar da tristeza que você nos dá neste momento, eu lembro muito mais das alegrias que você nos proporcionou.

Para as minhas memórias, a partir do momento que conheci, o acesso a Série A-3 em 1995 com estrelas como Casagrande e Toninho Cerezo. Dois anos depois, como vibrei com a sua conquista da Taça São Paulo de futebol junior, superando batalhas contra gigantes. 99 a gente ganhou da Ponte Preta, em Campinas. Não conseguimos o passaporte da alegria do futebol paulista, mas que estragamos a festa campineira naquele dia 9 de julho, com gosto, estragamos. Em 2000, quase foram dois acessos. Mas eu lembro de vitórias gigantes, como aquela em Santo André, com gol de Jean Elias já nos acréscimos, pela semifinal da Série A-2.

2001 foram momentos inesquecíveis. Você ganhou quase tudo no ano inteiro. Até nas disputas de pênaltis tú levava a melhor. Como foi naquela semifinal da elite do Paulistão, em 2004, contra o sempre poderoso Palmeiras. Tudo bem que você perdeu aquela taça do “Paulistinha” para o São Caetano, mas era um prenúncio que a sua maior alegria viria no ano seguinte, ao ganhar a Copa do Brasil.

E os seus “amigos” sempre ajudavam, mesmo que indiretamente, quando você estava na sua casa, o Jayme Cintra, para vencer grandes batalhas naquela memorável competição. Todos fizeram o assistente “ficar cego” e não observar que a bola do Perdigão entrou tirando o Inter. O chute do Lucas de fora da área contra o Figueira entrar de forma precisa no gol.  Ou os atletas do Galo se sentirem no melhor gramado do mundo naquela semifinal contra o Cruzeiro. E na decisão eram 15.011 em campo para pressionar como nunca e derrotar o Fluminense. E ficou por um ano no lugar mais alto do topo do futebol brasileiro, sendo o rei do Brasil.

Em 2006 você viajou o mundo. Deu o ar da sua graça no continente sul-americano. E ainda quase subiu a elite do futebol brasileiro. Faltou um mísero pontinho. Você bateu na trave para chegar à semifinal estadual em 2007. Depois você começou a cair quase sempre um degrau da escada no futebol brasileiro. Mas ainda assim tivemos momentos alegres. Duas conquistas de Copa Paulista – 2010 com gol memorável do Rodrigo Sabiá e 2011 – gol do título feito por Carlão, venceu o São Paulo aqui no dia do gol 99 do Rogério Ceni, bateu o Santos em um domingo de Carnaval, no Pacaembu, e com Neymar em campo; superamos o Palmeiras no dia que você mais precisou da vitória para não ter que cair, e superamos o Corinthians, em Barueri, que tinha simplesmente Ronaldo Fenômeno.

Mesmo hoje a gente não participando das “melhores festas” do futebol paulista, cada vitória sua deixa o meu dia mais feliz. Pois o seu êxito, deixa milhares de pessoas alegres. A cada revés, por mais raiva que podemos ficar, a gente procura estender a mão para você se recuperar. E quando você cai mais um nível da escada, a gente tenta te ajudar a te reerguer.

Hoje você está na UTI por necessidade. Sabemos que a sua doença vai demorar para ser curada. Talvez o primeiro pingo de melhora somente ocorra em abril de 2018. Mas teremos paciência para esperar a sua melhora. Mesmo que alguns queiram a sua morte, o que desejamos é que você seja eterno, Paulista... Por isso, desejo por mais um ano, parabéns Paulista! Que você tenha muitas felicidades! E eternos anos de vida!!!
Thiago Batista: Apesar de você estar na UTI, eu digo: 108 vezes parabéns Paulista! Thiago Batista: Apesar de você estar na UTI, eu digo: 108 vezes parabéns Paulista! Reviewed by Thiago Batista de Olim on 5/17/2017 12:12:00 PM Rating: 5

Anuncie aqui