Estadual sub-20: Maurílio diz que gol contra o Corinthians foi um dos mais importantes - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Estadual sub-20: Maurílio diz que gol contra o Corinthians foi um dos mais importantes

17/06/2017

Estadual sub-20: Maurílio diz que gol contra o Corinthians foi um dos mais importantes


Por Thiago Batista – Esporte Jundiaí / Foto: Thiago Batista

O zagueiro Maurílio retornou neste sábado ao time titular do Paulista, após os últimos jogos estar lesionado e estar no Departamento Médico. O jogador iria atuar como volante na partida contra o Corinthians, mas uma lesão de última hora do zagueiro Robert, fez ele atuar na zaga (Falcão entrou no setor). Em 22 de janeiro, Maurílio abriu o placar no Jayme Cintra, na vitória sobre o Batatais por 5 a 1, que dentro de campo colocou o Galinho na decisão da Copa São Paulo de futebol junior. Mas o time foi eliminado em virtude de todo o caso Brendon/Helton Matheus. Eis que a Federação Paulista divulgou os grupos do Estadual e na tabela marcou para o dia 17 de junho o duelo entre Tricolor e Timão no Jayme Cintra. E coube ao camisa 5 do Galo marcar o gol da vitória sobre o Corinthians, para alegria dos 500 torcedores, dos companheiros e funcionários do time e dele também. Uma partida que ele classifica como especial.

“Era uma partida diferente, sim. Porque a gente iria jogar a final da Copa São Paulo contra eles, e hoje mostramos que a gente iria dar trabalho e que poderíamos ser ter sido campeões daquela competição. O gol de hoje foi especial. É um dos mais importantes da carreira, como também aquele contra o Batatais, que abriu a goleada aquele dia”, contou o defensor.

Para Maurílio, o time entrou com espírito bastante diferente no gramado, por conta de enfrentar o Corinthians e boa parte do grupo sofreu ao não poder jogar a decisão da Copa São Paulo deste ano. “Time entrou diferente. Senti no vestiário que estávamos com uma boa pegada. Por enfrentar o Corinthians já é diferente e mais por tudo que passamos”, afirmou.

“O time jogou bem pois esteve determinando e isso foi o mais importante. E a gente não enfrentou qualquer adversário. Como sempre digo cada jogo tem uma história. Acho que sempre guardaram. Existe a mágoa que ficou e hoje para eles foi uma decisão”, contou Sérgio Caetano, treinador do Galinho.  

O zagueiro ainda disse que o Corinthians não esperava que o Paulista mostrasse um bom futebol neste sábado. “Eles vieram achar que seria fácil, e a gente mostrou as nossas qualidades e tivemos mais chances de fazer de gols”, disse o atleta. “A gente teve a infelicidade de perder um pênalti e perdemos boas chances na reta final”, lembrou o comandante Tricolor.  Maurílio não vê problemas de atuar em qual seja o setor que for escalado. “Onde o professor (Sérgio Caetano) pedir não vejo problema em jogar”, completou.