Copa Lance Livre de futsal: 1º jogo da decisão é nesta segunda-feira no Romão - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Copa Lance Livre de futsal: 1º jogo da decisão é nesta segunda-feira no Romão

03/07/2017

Copa Lance Livre de futsal: 1º jogo da decisão é nesta segunda-feira no Romão


Nesta segunda-feira tem início a decisão da Copa Lance Livre de futsal. A partir das 20h15, no ginásio Romão de Souza, DNA e Colorado fazem a primeira partida. O segundo jogo está programado para quarta-feira, às 20h15, também no ginásio do centro esportivo, no bairro da Colônia. Pelo regulamento, o time que vencer as duas partidas, ou ganhar um jogo e empatar o outro será campeão. Caso cada equipe vença um confronto, ou ocorram dois empates, a definição do título será na prorrogação, com placar zerado, e com a vantagem do empate para o Colorado, que tem a melhor campanha – está invicto – 10 vitórias e 2 empates (32 pontos). O DNA tem campanha de 8 vitórias, 1 empate e 2 derrotas (25 pontos).


Na primeira fase, as duas equipes se enfrentaram no dia 15 de maio, no Bolão. E foi uma grande partida, equilibrada do começo ao fim e terminou 4 a 4 – placar chegou estar 4 a 1 para o Colorado, antes do goleiro-linha do DNA entrar em ação, que foi decisivo para o empate na ocasião. Jé – duas vezes, Michel e Wallace marcaram para o Colorado. Jhow – de falta, Matheus Quaggio e Michel – duas vezes marcaram para o DNA.

A decisão da Copa Lance Livre coloca em quadra dois times com números diferentes no torneio. O DNA aposta sua força no ataque – marcou 88 gols nos 11 jogos – média de 8,8. A equipe tem os três líderes da artilharia: Fio anotou 19 gols, Mateus Quaggio fez 18 e Michel, marcou 17. O Colorado aposta na sua força defensiva: sofreu apenas 26 gols nos 11 jogos que disputou – média 2,3 gols sofridos por partida – também pelas boas atuações dos seus goleiros Bablete e Gilmar, que se revezam na meta do time da Agapeama.  

DNA x Colorado – 1º jogo da final da Copa Lance Livre de futsal
DNA: Erasto; Mateus Quaggio, Alexandre, Michel e Fio. Técnico: Alexandre Paulino. No banco: Sujinho; Romanini, Andrezinho, Esquerdinha, Jhow, Rubinho, Alessandro, Tiago Rossi, Evandro e Toreto.
Colorado: Bablete; Jé, Wallace, Leandro e Michel. Técnico: André Fernando. No banco: Gilmar; Fernando, Ricardo, Carlos, Zé, Caique, Wellington, João e Kleber.
Arbitragem: José Norberto e Jeferson Donizeti (árbitros); Rosana Cassaro Martins (anotadora e cronometrista)