Centro de excelência em Jundiaí: Reuniões sistemáticas para obra começar a sair - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Centro de excelência em Jundiaí: Reuniões sistemáticas para obra começar a sair

27/08/2017

Centro de excelência em Jundiaí: Reuniões sistemáticas para obra começar a sair

Luiz Trientini, gestor de esportes de Jundiaí
A Unidade de Gestão de Esporte e Lazer de Jundiaí deseja que o centro de excelência do esporte seja instalado em Jundiaí. Segundo o gestor da unidade, Luiz Trientini, em conversa com a reportagem do Esporte Jundiaí, neste sábado, reuniões estão sendo feitas, para que a obra seja feita na cidade, especialmente na região da Vila Liberdade.

“Essa é uma verba, como a gente diz que está carimbada para a execução do centro de excelência do esporte. Mas a gente vem tendo reuniões neste sentido. Na segunda-feira, às 10h, temos uma reunião como o pessoal da Caixa. A gente refez uma aproximação. Este contrato venceu ainda em dezembro de 2016, na gestão anterior. A obra já era para estar pronta. Mas realmente não teve nenhum tipo de movimentação neste sentido. Quando assumimos, procuramos entender e fomos até em Brasília para conversar e dar andamento neste processo. O prefeito Luiz Fernando Machado e nós quer, e é um equipamento que poucas cidades do Brasil teriam, pouquíssimas teriam. A gente está lutando muito para que venha a Jundiaí”, disse.

“Haviam uma questão técnicas, de ajustes dos projetos com a empresa que fez esse o projeto e com o departamento de planejamento o e obras e agora temos feitas reuniões sistemáticas e também junto com o pessoal da própria Caixa. Este dinheiro não sai dos nossos cofres, e é um investimento do governo federal e essa busca nossa por isso”, concluiu.

O centro de excelência do esporte seria levantando no local onde justamente fica o Ovídeo Bueno. A obra foi anunciada em dezembro de 2014, pelo então prefeito de Jundiaí, Pedro Bigardi. A cidade receberia uma verba de cerca de R$ 30 milhões para a construção. Mas até agora nenhum tijolo foi levantado. O centro de excelência, na administração Pedro Bigardi, tinha a expectativa de fazer a inauguração primeiro em maio de 2016, e depois no 2º semestre deste ano.

O centro de excelência e vai ter um ginásio principal com quadra oficial, vestiários, área de Imprensa e arquibancada para mais de mil pessoas, visando estabelecer um local adequado para as práticas de alto rendimento na cidade. Ao lado do ginásio vai haver um prédio anexo com quatro andares. O primeiro piso está previsto recepção lounge, restaurante, auditório e administração. O segundo abrigar academia, alojamento e vestiários, além de departamento médico e de fisioterapia. O terceiro é para contar com quatro quadras poliesportivas e o quarto piso vai ter alojamentos.

No começo de junho deste ano, a CBB declarou através do diretor executivo da entidade, Marcelo de Souza, que uma carta de intenção seria entregue para Jundiaí ser o local do centro de excelência do basquete, com o local sendo justamente onde terá o centro de excelência olímpico. Em julho, Sorocaba anunciou que gostaria de receber o centro de excelência de basquete.