Heltton Matheus, o Gato da Copa SP, é campeão da Taça Paulista de futebol 2017 - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Heltton Matheus, o Gato da Copa SP, é campeão da Taça Paulista de futebol 2017

27/11/2017

Heltton Matheus, o Gato da Copa SP, é campeão da Taça Paulista de futebol 2017

Heltton Matheus (de uniforme todo preto) ao lado da arbitragem, como capitão da Vai-Vai no 1º jogo da final
Heltton Matheus, que atuou na Copa São Paulo de futebol junior como o nome de Brendon Matheus, com a camisa do Paulista, no último domingo ajudou a Vai-Vai a conquistar o título da Taça Paulista de futebol “profissional” de 2017. A competição se considerada profissional, apesar de não ser reconhecida por CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e por FPF (Federação Paulista de Futebol), por consequência não ser reconhecida pela Fifa, que considera o torneio amador – o evento é organizado pela Liga de Futebol Nacional do Brasil

No domingo, a Vai-Vai (sim, a escola de samba de São Paulo tem um time de futebol) venceu a Taça Paulista, ao empatar com o Raça, em Suzano por 1 a 1, no segundo jogo da decisão. Na partida de ida, da final, o confronto em Hortolândia terminou 0 a 0. A Vai-Vai levou o título por ter melhor campanha ao longo da competição.


A Vai-Vai foi campeã de maneira invicta, mas com mais empates do que vitórias: foram quatro vitórias e incríveis sete empates. Nos playoffs, o time apenas empatou: nos dois jogos semifinais contra o Talentos Dez, duas igualdades sem gols. Heltton Matheus foi titular na decisão, sendo nome importante para sustentação da defesa do seu time. No 1º jogo da decisão, Heltton foi capitão do time. Durante o torneio, ele marcou dois gols.

Heltton Matheus, após o caso Gato da Copa São Paulo, assinou contrato com o Osasco Audax, onde seria emprestado para o clube irmão Grêmio Osasco. Mas o TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) do estado de São Paulo, no dia 13 de fevereiro suspendeu o jogador por 360 dias do futebol profissional e de qualquer competição organizada ou vinculada a Federação Paulista de Futebol e de qualquer entidade de futebol profissional (exemplo: ele não poderia atuar no Campeonato Amador de Jundiaí, por este ser vinculado a FPF).

Heltton poderá atuar pelo Grêmio Osasco a partir de 8 de fevereiro de 2018 (segundo o próprio Tribunal), e assim poderá atuar no futebol profissional no Osasco Audax na Série A-2 (clube no qual ele tem vínculo até 31 de dezembro de 2018) ou realmente ser emprestado ao Grêmio Osasco na Série A-3. O seu ex-clube, o Paulista, por causa de todo o caso foi excluído da decisão da Copa São Paulo, já que no campo havia garantido a vaga a final de 2017, e três meses depois foi rebaixado da Série A-3 para a  Quarta Divisão do Campeonato Paulista, e o Galo Jundiaiense somente ter um jogo de futebol profissional a partir de abril de 2018, na “Quartona”.


Fotos: Divulgação - Liga de Futebol Nacional do Brasil