Fabrício Bento – técnico do sub-20 do Avaí: “O Paulista é um clube de bastante história” - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Fabrício Bento – técnico do sub-20 do Avaí: “O Paulista é um clube de bastante história”

29/12/2017

Fabrício Bento – técnico do sub-20 do Avaí: “O Paulista é um clube de bastante história”


O treinador Fabrício Bento, da categoria sub-20 do Avaí, conversou com a reportagem do Esporte Jundiaí nesta quinta-feira. O comandante avaiano é natural de São Paulo e conhece bem o Paulista, como também o Red Bull. E ele sabe das dificuldades que terá no grupo 20 – que tem ainda o São José, de Porto Alegre, nesta primeira fase da Copa São Paulo.

“Eu sou de São Paulo, conheço bem as duas equipes da nossa chave. O Paulista e um clube com bastante história e que sempre teve uma base muito forte e que este ano não chegou por a caso. E um adversário muito difícil. O Red Bull é um time com bastante estrutura e um time de empresários, que sempre monta fortes equipes e vem sempre chegando bem nos campeonatos que disputam. E o São José de Porto Alegre vem montando uma forte equipe e que este ano mostrou no Campeonato Gaúcho superando os grandes do Rio Grande do Sul”, contou.


Para ele a Copinha é a maior competição de base que há no futebol. “Para mim e um privilégio dirigir o time como o Avai numa taça São Paulo, que para mim é o maior torneio de base do brasil e do mundo”, disse ele, que tem 42 anos e na sua carreira atuou como zagueiro em clubes como Portuguesa, São José (do Vale do Paraíba), Mogi Mirim, Juventus, Juventude e por duas vezes atuou no Avaí (2000 e 2007-2008).


Desde 2013, trabalha nas categorias de base do Avaí. Em 2017, o ano do time foi muito positivo na sua avaliação. “Temporada 2017 para o sub-20 do Avaí foi excelente. Chegamos nas oitavas de final da Copa São Paulo deste ano, fomos semifinalistas da Copa do Brasil, campeão estadual sub 20 e vice-campeão da Copa Santa Catarina sub-20 podendo jogar três profissionais”, contou ele.


O torcedor que for acompanhar os jogos do Avaí na 1ª fase no Jayme Cintra pode esperar uma equipe que sonha em ir longe no torneio. “É uma equipe nova montada a cinco meses, mas com muita qualidade e competitiva como vem sendo este ano. Esperamos chegar na final da competição lógico, respeitando todos os nossos adversários que principalmente na nossa chave que para mim é uma das mais forte da competição”, disse. “O nosso time joga conforme os adversários, não temos esquema tático definido, e os torcedores podem esperar um time forte e com jogadores promissores no futebol, não temos jogadores que eu possa pontuar, mas um grupo muito forte que vai em busca da classificação e lógico o tão sonhado título da Copinha”, completou.


No Avaí, a filosofia do clube é sempre revelar jogadores para o elenco principal. “Para nós aqui no clube Avaí sabemos que a base e para fazer e promover jogadores para o profissional, mas também formamos jogadores vencedores e competitivos. Que o bom e formar jogadores para o profissional, mas desde cedo com apetites de ganhadores”, afirmou. Sobre sonhos, ele tem duas metas: “Meu sonho e fazer futuros craques para o futebol brasileiro e mundial e lógico ser um bom treinador de futebol profissional e vencedor”.

Fotos: Alceu Atherino / Avaí Futebol Clube