Rafael Porcari: O futebol teria coragem de protestar como no voleibol? - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Rafael Porcari: O futebol teria coragem de protestar como no voleibol?

09/12/2017

Rafael Porcari: O futebol teria coragem de protestar como no voleibol?


Há dois anos, vimos esse protesto dos jogadores de vôlei contra a corrupção em seu esporte (abaixo) e questionamos: os atletas de futebol nunca fariam o mesmo?  Passado tanto tempo, os boleiros viram os escândalos proliferarem e… nada! Aliás, e “que fim levou” o Bom Senso FC? Relembre, extraído do meu blog:

O FUTEBOL TERIA A CORAGEM DO VOLEIBOL?
A Controladoria Geral da União descobriu corrupção entre contratos que envolvem R$ 30 milhões no patrocínio do Banco do Brasil para a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), no período da presidência de Ari Graça. Em protesto, durante a partida entre Taubaté x Canoas, os atletas usaram bolas de palhaço no nariz.

Enfim alguém se rebela contra a sua Confederação, e a pergunta se torna inevitável: e se fosse no futebol? Jogadores protestariam contra a CBF? Acho que o nível educacional do voleibol é maior do que o do futebol…