Red Bull Brasil se despede do Campeonato Paulista com mais uma derrota na bagagem - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: Red Bull Brasil se despede do Campeonato Paulista com mais uma derrota na bagagem

25/03/2018

Red Bull Brasil se despede do Campeonato Paulista com mais uma derrota na bagagem



O Campeonato Paulista de futebol acabou neste sábado para o Red Bull Brasil. A equipe, que treina em Jarinu, mas não joga no Aglomerado Urbano de Jundiaí, perdeu para a Ferroviária por 3 a 1, fora de casa, na última das três partidas da fase de grupos do Troféu do Interior, e não se classificou para a final.

Os gols
O Red Bull Brasil começou os primeiros 45 minutos marcando presença no campo de ataque. Mas na primeira descida do time da casa, Caio Mancha de pênalti e abriu o placar. Claudinho teve chance de empatar, também batendo pênalti, mas Tadeu espalmou a cobrança. Na etapa final, o Touro chegou ao empate com Eder Luis, após bom cruzamento de Thiago Souza. A Ferroviária foi mais feliz nas conclusões. Misael fez o segundo, de cabeça, e Tadeu marcou o terceiro, novamente em cobrança de pênalti, aos 26 e 33 minutos, respectivamente.

Fala treinador
“Infelizmente, o clube não conseguiu atingir os objetivos que traçamos no começo da preparação. Agora, é corrigir os erros e nos prepararmos para a Copa Paulista”, disse o técnico Ricardo Catalá. O título da Copa Paulista vale vaga para a Série D de 2019 e o vice disputará a Copa do Brasil, também do ano que vem.

Ficha técnica - Ferroviária 3 x 1 Red Bull Brasil
- Ferroviária: Tadeu; Alisson, Elton (Elvis), Luan e Daniel Vançan; Caique, Íkaro e Moacir; Damasceno (Luis Henrique), Misael e Caio Mancha (Eliandro). Técnico: PC de Oliveira
- Red Bull Brasil: Julio Cesar; Thiago Souza, Anderson Marques, Tiago Alves e Rayne (Nininho); André Castro, João Denoni e Eder Luis (Aguilar); Thomaz, Claudinho (Deivid) e Edmilson. Técnico: Ricardo Catalá
- Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
- Público e renda: 2.332 / R$ 14.060
- Gols: Caio Mancha, de pênalti, aos 32min do 1ºT (1x0), Eder Luis, aos 8min do 2ºT (1x1), Misael, aos 26min do 2ºT (2x1) e Tadeu, de pênalti, aos 33min do 2ºT (3x1)

Foto: Divulgação – Red Bull Brasil