28/01/10 - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: 28/01/10

28/01/2010

Galo Jundiaiense é goleado pelo São Paulo e segue sem vencer como visitante no Estadual



Thiago Batista
Site Esporte Jundiaí

O Paulista foi derrotado pelo São Paulo por 3 a 0, nesta quinta-feira, na Arena Barueri, pela quarta rodada do Campeonato Estadual. Com este resultado, o Galo Jundiaiense segue sem vencer como visitante no Paulistão: em três jogos foram três derrotas. O nome do jogo foi Dagoberto que na sua volta como titular pelo time do Morumbi marcou dois gols e provocou as expulsões de dois atletas do time jundiaiense: o volante Raí e o zagueiro Dema.

Com o resultado, o Tricolor de Jayme Cintra está em 15º lugar com apenas três pontos, não entrando na zona de rebaixamento por ter uma vitória a mais que Mirassol (16º e fora da zona de descenso) e Grêmio Barueri (17º e na zona de rebaixamento) que também tem três pontos, mas ainda não venceram no Estadual. O São Paulo com o êxito está na 5ª colocação com 7 pontos.

O Paulista começou assustando o São Paulo, logo aos 3 minutos. Felipe Azevedo recebe na esquerda e chuta forte para Rogério Ceni fazer grande defesa. Willian Sarôa pega o rebote e rola para Baiano chutar pra fora.

O time do Morumbi tinha mais a posse de bola, mas não ameaçava o gol de Felipe Alves. A primeira grande chance do São Paulo foi aos 23 minutos com Washington que girou sobe Eli Sábia e chutou forte e o camisa um do Galo fez grande defesa.

Aos 29 minutos, em uma jogada individual de Dagoberto, o São Paulo chegou ao gol. Miranda no campo de defesa toca para o camisa 25 do Morumbi no meio de campo e arranca. Passa por cinco marcadores e na saída de Felipe Alves, Dagoberto chuta para abrir o marcador.

E as cosias pioram para o time jundiaiense aos 37 minutos. Raí pega sem bola no meio-campo o atacante Dagoberto e o árbitro Rodrigo Martins Cintra viu e mostrou o cartão vermelho para o volante do Galo, deixando a sua equipe com dez atletas.

O São Paulo quase ampliou em lance errado de Felipe Alves. O goleiro do Paulista dá um presente para Hernanes, passando a bola nos pés do camisa 10 do Morumbi, que invade a área, mas chuta longe do gol. Na etapa final, Willian Sarôa não conseguiu dominar uma bola dentro da pequena área com um minuto e perdeu grande chance de empatar o jogo. O castigo quase veio aos quatro minutos com Washington que recebeu de Dagoberto, driblou Felipe Alves, mas chutou pra fora.

Mas aos nove minutos, Dagoberto não perdoou e fez o segundo. Jorge Wagner lançou o atacante são-paulino na esquerda, ganhou na corrida de Lucas, entrou na área e chutou forte para fazer 2 a 0. E o São Paulo quase fez 3 a 0 aos 10 minutos em chute de Marcelinho Paraíba de fora da área que Felipe Alves defendeu e Jean aos 16 minutos, em rebote de Felipe Alves e mandou a bola por cima do gol.

Aos 19 minutos, Dagoberto tenta driblar Dema, e o zagueiro do Galo comete falta. Como já tinha o amarelo, leva o segundo e acaba expulso e deixa o Paulista com nove atletas. Hernanes cobra a falta, lançando a bola na área, a zaga jundiaiense corta mal e André Dias sem goleiro e sem marcação rola pro gol fazendo 3 a 0 para o Tricolor do Morumbi.

Depois, os dois times apenas tocaram a bola e assim o Tricolor da capital garantiu a vitória por 3 a 0. O Paulista volta a campo no domingo para enfrentar o Mirassol, no Jayme Cintra, às 19h30. O São Paulo enfrenta também no domingo o Sertãozinho, fora de casa, às 19h30.



Leia Mais ►

São Paulo (rival desta quinta) empresta atacante Mazola ao Paulista


Com informações do site oficial
do São Paulo Futebol Clube

O atacante Mazola, de 20 anos, do São Paulo foi emprestado ao Paulista para a disputa do Estadual. Antes, o atleta renovou contrato com o clube do Morumbi por mais cinco anos. A justificativa do empréstimo é para o atacante ganhar experiência.

O garoto, que foi titular da equipe no empate com o Mirassol, conversou com o técnico Ricardo Gomes, que o aconselhou a ir buscar novas oportunidades.“O Ricardo conversou comigo, falou que aqui eu teria poucas oportunidades. Lá no Paulista eu poderia jogar todos os jogos. Conversamos e ele achou melhor eu ir”, explicou Mazola.


Depois que subiu para o profissional, o são-paulino teve poucas oportunidades. Além da partida diante do Mirassol, ele atuou em dois jogos na Sul-Americana de 2008. O jogador é tratado como uma grande aposta dentro do clube paulista. Mas com o número de atacantes no elenco, a solução foi emprestá-lo. Porém, Mazola está animado com a possibilidade e espera repetir o mesmo empenho demonstrado nos treinamentos no Tricolor.

“O Ricardo confia em mim. Estou treinando aqui com o pessoal do profissional há um ano. Treino com os melhores zagueiros do Brasil, no melhor time do país. Se dou trabalho aqui, acho que vai correr tudo bem lá”, concluiu o garoto.




Leia Mais ►

Palmeiras/Jundiaí começa segunda fase do Torneio de Verão empatando


Thiago Batista
Site Esporte Jundiaí

O Palmeiras/Jundiaí iniciou a segunda fase do Torneio de Verão de futsal de Indaial/SC empatando. Nesta quarta-feira o Verdão de Jundiaí ficou no empate com o FPL por 3 a 3, em partida realizada no ginásio Sérgio Luiz Petters. Os gols do alviverde foram de Carlinhos Obina, Fábio e Zacarias. Para o FPL anotaram Ciro, Maiquinho e Andrei.

O duelo foi válido pelo grupo D que teve também nesta quarta a vitória do Indaial Futsal sobre o Colisão por 6 a 4. A segunda rodada do grupo D será nesta sexta, sendo que o Palmeiras/Jundiaí enfrentará o Indaial Futsal, às 21h. Antes, às 20h o Colisão enfrenta o FPL. Ao final das três rodadas da segunda fase apenas os dois primeiros da chave avançam as semifinais.
Leia Mais ►

Conhecidos os finalistas do futebol society – Categoria Master da Olimpíada da Uva


Com informações do
site da Olimpíada da Uva

O campo de futebol society do Poste recebeu nesta quarta os jogos da Categoria Master da 2ª Olimpíada da Uva, que conheceu os seus finalistas. O Poste derrotou o Bom Jardim por 6 a 4, em partida emocionante. No outro jogo da noite, o Engordadouro bateu o Traviú por 4 a 2.

O primeiro jogo, já parecia ganho para o Bom Jardim que vencia o Poste por 4 a 1. Mas nos minutos finais da partida, a bola procurou o artilheiro. Eis que surge Marcelo Chupim em noite inspirada marcou três gols e liderou o time do Poste para uma virada sensacional por 6 a 4.

Na vitória do Engordadouro sobre o Traviú por 4 a 2, o destaque da partida foi Palhinha (que já vestiu a camisa do Paulista e atualmente trabalha com a equipe sub 15 do Galo), marcou três vezes para a alegria dos torcedores do Engordadouro.
Leia Mais ►

Marquinhos defenderá o Estrela da Ponte no Amador 2010


Thiago Batista
Site Esporte Jundiaí

O meia-atacante Marquinhos defenderá o Estrela da Ponte por mais um ano. O jogador confirmou que permanecerá no clube, em entrevista por e-mail a reportagem do Site Esporte Jundiaí. “Jogarei pelo Estrela. Aliás com certeza vou encerrar minha passagem pelo amador de Jundiaí no Estrela”, declarou.

O atleta, de 37 anos, tem atualmente uma pequena empresa de material promocional (camisetas, bonés e bolsas), começou a jogar no Amador jundiaiense em 1996 pelo Cruzeiro da Vila Maringá e sempre chegou à fase final em todos os anos, deste então. No Cruzeiro jogou na primeira passagem entre 1996 e 1998 e foi campeão em 1996, vice em 1998 e semifinalista em 1997. A segunda passagem de Marquinhos pelo clube da Vila Maringá foi em 2002 quando foi vice-campeão . Em 1999 jogou no Caxambu onde foi semifinalista. Depois defendeu o Clube Jundiaiense em 2000 e 2001 onde foi bicampeão.

Marquinhos desde 2004 defende o Estrela onde foi campeão em 2005 e 2006, vice-campeão em 2007, semifinalista em 2008 e quadrifinalista em 2004 e 2009.

Para ele o Amador mudou muito de quando começou a atuar para agora. “Com certeza mudou. A começar pelos campos. Hoje em dia os campos estão bem melhores, especialmente Dal Santo e Romão de Sousa. A organização também melhorou. Outro fato positivo no meu entender, foi o fortalecimento dos times de comunidade. Quando comecei no amador estes times eram muito mais preocupados com confusão. Hoje em dia formam grandes times e com o apoio das comunidades (torcida), se tornaram times difíceis de serem batidos, o que torna o campeonato cada vez mais disputado”, disse.

A última temporada para Marquinhos foi de grande desempenho, quando foi o artilheiro do Estrela da Ponte, mesmo com o clube sendo eliminado ainda na fase de Quartas de final. “Se levar em consideração o número de gols marcados, talvez tenha sido o melhor. Se não me engano fiz um a menos do que o artilheiro, mesmo o Estrela tendo saído nas quartas de final. Mas já tive ótimas temporadas principalmente nos anos em que fui campeão pelo Estrela, pelo Clube Jundiaiense e pelo Cruzeiro”.

Abner Júnior
Perguntado sobre Abner Júnior, novo treinador do Estrela da Ponte, Marquinhos achou ótima a escolha. “Achei ótimo. Não o conheço pessoalmente, mas as referências que tenho são as melhores possíveis. O fato de ser um treinador novo também me agrada. Acho que tem tudo para ser uma ótima parceria, pois o ambiente no Estrela é muito bom e a base do time também é muito boa apesar do mau resultado em 2009”.

Mas Marquinhos tem um carinho especial pelo amigo Rubinho Bizinotto, que foi seu treinador no Estrela entre 2004 à 2009. “Joguei com ele de 2004 a 2009. Sou até suspeito para falar dele. Além de ótimo treinador, vide os resultados conquistados no amador, se tornou um amigo particular. Além disto, pude testemunhar durante todos estes anos, o respeito com que ele sempre tratou todos os jogadores. E olha que foram muitos e muitos jogadores que passaram pelo Estrela e nunca eu o vi discutindo com nenhum jogador. Claro que alguns jogadores talvez não tenham saído satisfeito do Estrela, mas tenho certeza que nenhum deles pode falar que foi desrespeitado pelo Rubinho. Fora isto, o considero um grande motivador. Independentemente do jogo ele sempre busca algum fato para tentar tirar o máximo do time. Enfim, um dos melhores treinadores com quem já joguei e tenho certeza que vai continuar sendo muito importante para o Estrela em sua nova função”.

Os objetivos de Marquinhos para este ano é de conquistar o título do amador jundiaiense. “Tenho objetivo de ser Campeão. Todos os anos entro no campeonato com este pensamento. Quanto a parar de jogar, penso que enquanto estiver jogando em um bom nível e sentido o mesmo prazer de quando comecei, vou continuar jogando. Estou com 37 anos. Fisicamente me cuido bastante e sinceramente me sinto como se tivesse 30. Mas é claro que uma hora vou ter que parar. Não sei dizer quando”.




Leia Mais ►

14 de Dezembro se prepara para a disputa do Amador da 2ª divisão


Thiago Batista
Site Esporte Jundiaí

O 14 de Dezembro, clube tradicional do futebol amador de Jundiaí está se preparando para a disputa do Campeonato Amador da 2ª divisão de Jundiaí em 2010. O time deverá provavelmente no dia 31 deste mês enfrentará a Ponte Preta, em um amistoso. Depois poderá enfrentar o Jundiaí e o Santos.

Segundo Eduardo Becker, o Dudu, presidente do clube, o time buscou reforços, mas não trazendo nomes de expressão. “Se reforçamos com uma molecada boa de bola e mantivemos uma base do ano passado. E a Copa Vila Maringá foi um teste e tanto para essa molecada nova que chegou”, declarou Dudu.

Os objetivos do time na 2ª divisão do time é de conquistar o acesso. “O objetivo, acho que são de todos times da Série Prata (2ª divisão) é subir para a 1ª divisão. Mas de inicio, objetivo é entrosar o mais rápido e classificar para a segunda fase. Vamos subir um degrau de cada vez. Mas é claro, que o principal objetivo é subir”, disse o presidente que declarou que o treinador será um rapaz novo que foi eleito o melhor treinador da Copa da Vila Maringá.

Para o presidente, todos os participantes da 2ª divisão serão adversários do 14 de dezembro na competição. “Acredito que todas as equipes da 2ª divisão são adversários difíceis, é muito nivelado a 2ª divisão em Jundiaí e muito disputada. O importante, é tentar somar pontos em todas as partidas”.

Para ele a fórmula de disputa da Segundona deveria ser modificada. “Acho que o Toninho (de Oliveira, presidente da Liga) deveria fechar com 20 times e fazer a mesma fórmula da 1ª divisão, faz se um turno único, todos contra todos e se classificam os oitos melhores para a 2ª fase. Mas cabe ai, ao presidente e a seus diretores da liga, estudar as possibilidades”, disse.
Leia Mais ►

Jogadores do futsal da Olimpíada da Uva ‘tiveram’ que driblar a chuva


Com informações do site
oficial da Olimpíada da Uva

A chuva atrapalhou bastante, mas a bola rolou na quadra do Traviú, pelo futsal – categoria principal da 2ª Olimpíada da Uva, na última terça-feira. No Ginásio do Poste, aconteceu o duelo que teve a vitória do Traviú sobre o Poste por 4 a 2, em partida foi bastante tumultuada devido a torrencial chuva que invadia a quadra e, por isso, os atletas tinham que driblar também os baldes que davam conta das goteiras.

Depois houve falta de energia na quadra. E assim o duelo entre Engordadouro e Bom Jardim foi adiado para esta quinta-feira.
Leia Mais ►

Chuvas adiam jogos do futebol society da Olimpíada da Uva para esta quinta


Com informações do site
oficial da Olimpíada da Uva

A chuva atrapalhou a rodada do futebol society da Olimpíada da Uva. A rodada programava dois jogos na categoria master para a última segunda-feira, mas que foram adiados para terça. Mas ‘São Pedro’ não perdoou e as chuvas fizeram que a rodada fosse adiada para esta quinta-feira. Assim às 19h30 tem Traviú e Bom Jardim e em seguida, às 20h30 tem Poste e Engordadouro.

Também foram prejudicadas por causa das chuvas os jogos de tênis em suas diversas categorias e assim essas partidas serão disputadas em data ainda a ser marcada pela organização do evento




Leia Mais ►

Disputa na bocha já começou na Olimpíada da Uva


Com informações do site
oficial da Olimpíada da Uva

Na última terça-feira teve inicio a disputa da bocha na Olimpíada da Uva. Pela chave A, a equipe 1 do Traviú perdeu em casa para a equipe 1 do Poste por 21 a 20. Os bocheiros da equipe 2 do Engordadouro venceram a equipe 2 do Bom Jardim por 21 a 13.

Dessa partida o destaque é Zé Boa com sua incrivel técnica spinner ball counter-clockwise rotation (bola rotadora no sentido anti-horário). Pela chave B, o Engordadouro 1 perdeu pelo placar de 21 a 13 para a equipe 1 do Traviú e o Poste 2 venceu por 21 a 6 o Bom Jardim.
Leia Mais ►

Paulista enfrenta São Paulo buscando chegar ao G-8


Thiago Batista - Site Esporte Jundiaí
Com informações do Site Lancenet

O Paulista enfrenta o São Paulo nesta quinta-feira pela quarta rodada do Campeonato Paulista. A partida, acontecerá na Arena Barueri, às 17h. O Tricolor da capital mandará o jogo na cidade vizinha, porque o Morumbi está alugado para shows.

O Paulista atualmente, com os jogos da rodada de quarta, está em 14º lugar com três pontos ganhos. Se vencer poderá até terminar a rodada dentro do G-8, podendo encerrar a quinta-feira na 7ª colocação. Vencendo o Tricolor de Jayme Cintra ultrapassará o São Paulo, que tem quatro pontos e está em 11º lugar. O Galo Jundiaiense mesmo que seja derrotado, não entrará na zona de rebaixamento, já que no máximo poderá terminar a rodada em 15º.

Paulista poderá ter até três mudanças
O Paulista vem de uma derrota por 4 a 2 para o Santo André. E da escalação inicial da última partida para o duelo desta quinta, o treinador Aarão Alves poderá realizar até três mudanças. Devem sair o zagueiro Márcio Santos, o meia Felipe Pinto e o atacante Negreiros. Podem começar jogando o volante Willian Rocha, o meia-atacante Marquinhos e o atacante Willian Sarôa e assim o Galo atuaria no 4-4-2.

“Vou procurar repetir o que fiz aqui em casa contra o Rio Claro. Um jogo contra o São Paulo é sempre visto por muita gente. Quero fazer um bom jogo. Todos os meus familiares vão acompanhar e isso nos motiva ainda mais”, declarou Willian Rocha.

“Não tem partida melhor que essa para nosso time jogar. É um jogo em que nossos jogadores podem aparecer. Sabemos das dificuldades, mas entramos como franco atirador”, disse Aarão Alves, o mais jovem treinador do Paulistão, com apenas 35 anos de idade.

São Paulo poderá ter zagueiro na lateral-direita
O São Paulo não estará atuando na sua casa o Morumbi e sim na Arena Barueri, que pode virar um caldeirão para o Tricolor da capital. “É diferente do Morumbi, que é maior, tem mais espaço, mas o gramado em Barueri é muito bom, o estádio é um pouco menor, pode encher mais e virar um caldeirão. Pode ficar gostoso jogar assim, espero que a gente dê sorte e consiga uma boa vitória”, declarou o atacante do São Paulo, Washington.

Depois de vencer o Rio Claro, agora o São Paulo quer se aproximar dos líderes. Para isso, Ricardo Gomes fez até mistério no último treino. O treinador fechou os portões e só liberou a imprensa quando os jogadores treinavam finalizações.

A tendência é que o esquema 4-4-2 seja mantido, mas com alterações. André Dias deve ser deslocado para a lateral direita. Assim, Andre Luis formará a dupla de zaga com Miranda. Na frente, Dagoberto disputa com Léo Lima uma vaga no time titular.



Leia Mais ►

Ex-atletas do Paulista fazem a festa na Série A2


Thiago Batista
Site Esporte Jundiaí

Os ex-atletas do Paulista fizeram a festa nesta quarta-feira pela quinta rodada do Campeonato Paulista da Série A2, balançando as redes dos times adversários.

Izaias, atacante que esteve na campanha do vice-campeonato estadual de 2004, marcou de falta pelo União Barbarense que acabou derrotado pelo São Bento por 2 a 1, fora de casa. O Barbarense ocupa agora o 9º lugar com sete pontos.

Outro ex-atleta do Galo que marcou foi o meia Leandro Diniz, que atuou no Tricolor Jundiaiense na Série C de 2008. O meia anotou um dos gols da vitória do São José sobre o Linense por 2 a 1, em casa. O time do Vale do Paraíba agora está em 7º lugar com oito pontos.

O volante Cléber Goiano, que vestiu a camisa do Paulista no Estadual do ano passado, marcou o último gol da goleada do Guarani sobre o Taquaritinga por 6 a 3, fora de casa. Com a vitória, o Bugre de Goiano está em 6º lugar com oito pontos.




Leia Mais ►

Tabelas


Temas