A Ponte Preta, próxima adversária do Paulista, voltou a confirmar sua fama de “Robin Hood” no Campeonato Paulista. Depois de surpreender ao vencer os grandes Corinthians e São Paulo, além de empatar com o Santos, a Macaca tropeçou pela 3ª vez consecutiva num time pequeno, nesta quinta-feira. No Moisés Lucarelli, o time foi derrotado por 2 a 1 pelo Ituano, que luta contra o rebaixamento. Antes, a Ponte já havia perdido para o Noroeste e empatado com o Grêmio Prudente, outros dois times que também estão na rabeira da tabela.

Vale ressaltar que foi o 1º jogo depois do 'fico' de Gilson Kleina, técnico que foi procurado pelo Fluminense e preferiu permanecer em Campinas. Kleina e os jogadores da Ponte saíram de campo sob vaias da torcida. “Futebol é assim mesmo. Um dia a torcida aplaude, na outra vaia. Eu assumo a minha responsabilidade de ter falhado no segundo gol”,  disse o atacante Tiago Luís.

Jefferson abriu o placar para o Ituano aos 43 minutos do 1º tempo e Malaquias ampliou aos 11 da etapa final, em falha de Tiago Luís. O atacante da Ponte se redimiu com um gol de falta, aos 31 minutos da etapa final, mas foi pouco.

A Ponte caiu para 6º, com 25 pontos, mas ainda tem boas chances de classificação, já que está cinco à frente do São Caetano, o 9º. O Galo Jundiaiense está em 7º com 25 pontos e se vencer a partida do domingo ultrapassará o time campineiro, Já o Ituano saiu da zona do rebaixamento, foi a 15 pontos e está em 16º. A Macaca enfrenta o Paulista, no domingo, em Campinas, às 18h30, enquanto no mesmo horário o Ituano enfrenta o Santos.

Matéria: Site Globoesporte.com
Foto: Site RAC.com.br - Elcio Alves/AAN