25/11/12 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 25, 2012

Série B do Jundiaiense: Botafogo perde 2º jogo da final, mas levanta a taça

Foi no sufoco. Na garra. Na luta. Mas o Botafogo levantou neste domingo o título da Série B do Campeonato Jundiaiense de futebol. No 2º jogo da decisão, o Fogão perdeu para o Sport Sorocabana por 1 a 0, com o placar agregado do confronto final terminando empatado por 3 a 3. O Botafogo teve o direito da igualdade na soma do placar da final, por ter melhor campanha que o Sport.

O Botafogo terminou o campeonato com aproveitamento muito bom: 73%. O time em 17 jogos, venceu 11 vezes, empatou quatro e perdeu apenas duas vezes (a outra derrota do Fogão foi em 2 de setembro para o Pedreira por 3 a 1). O time teve ainda o melhor ataque do campeonato com 41 gols marcados e a melhor defesa do campeonato, entre os times que avançaram pelo menos a segunda fase, com 11 gols sofridos.





Semifinal do Jundiaiense: Em ótimo 2º tempo, Jamaica e União ficam na igualdade

Semifinal do Jundiaiense: Grafite marca duas vezes e Marlene vence Ivoturucaia

Jogos Abertos do Interior: Jundiaí termina em 4º na 2ª divisão e não sobe a elite

Jundiaí terminou a 2ª divisão dos Jogos Abertos em quatro lugar e ficou a uma posição de conquistar o acesso a 1ª divisão. Na competição de Bauru, em 2012, a delegação jundiaiense somou 119 pontos, ficando atrás apenas de Rio Claro com 143, Mogi das Cruzes com 197 e Santos, a campeã da 2ª divisão, com 247,5 pontos. Rio Claro, Mogi das Cruzes (por ser cidade-sede) e Santos garantem presença na elite dos Abertos no próximo ano. Para estar ano quem vem na 1ª divisão, Jundiaí terá ganha os Jogos Regionais da 8ª região esportiva (vencida em 2012 por Sorocaba).

Na 1ª divisão, São Caetano do Sul conquistou o titulo dos Jogos Abertos do Interior – Bauru 2012, com 295 pontos. Na segunda posição ficou São José dos Campos com 286 pontos, seguido de Piracicaba com 262.  São Caetano, São José e Piracicaba já garantiram presença na 1ª divisão dos Abertos de 2013. Bauru, cidade sede do evento, ficou na nona posição com 111 pontos.

Clube Jundiaiense fica com o vice da Liga Nacional de polo aquático – 1ª divisão

Entre os dias 15 e 18 de novembro, foi realizada, na piscina olímpica do Club Athlético Paulistano, na capital, a Liga Nacional de polo aquático – 1ª divisão. Organizada pela Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA)/ Correios, a competição contou com oito equipes de vários estados. Os clubes Paulistano, Hebraica e Clube Jundiaiense, de São Paulo, Guanabara, do Rio de Janeiro, Curitibano, do Paraná, Associação Amazonense, do Amazonas, Santa Maria, de Pernambuco, e Apausc, de Santa Catarina, foram pré-classificados para a Liga em etapas regionais.
Na chave A, ao lado dos times Guanabara, Curitibano e Santa Maria, a equipe masculina principal de polo do Clube Jundiaeinse venceu todas as partidas por 6 a 3, 10 a 4 e 11 a 3, respectivamente. Já na semifinal, os jogadores enfrentaram a Hebraica, da chave B, e, numa partida emocionante, ganharam por 6 a 5.
Na disputa final, o Azul e Branco, sob o comando do técnico Ernesto Staeheli Neto e do professor Pedro Mazzoni, jogou contra o…

Futebol: Ex-técnico do Galo leva sub 20 do São Paulo a 2ª final seguida do Paulista

O time sub 20 do São Paulo, comandado pelo ex-técnico do Galo, Sérgio Baresi, fez bonito neste sábado e venceu o Red Bull Brasil por 2 a 0, gols de Alfredo, no segundo jogo das semifinais do Campeonato Paulista Sub 20 - na primeira partida, vitória são-paulina por 1 a 0. Com o resultado, a equipe se classificou para a decisão do torneio. Atual campeão, o Tricolor vai defender o título contra o Santos a partir da próxima semana.
O Tricolor começou com tudo. Um dos principais lances veio com Alfredo. Aos seis minutos, o atacante acertou chute forte da direita, cruzado, e a bola passou muito perto, mas saiu por cima do gol. O jogo ganhou em equilíbrio até a primeira metade do primeiro tempo, quando o São Paulo voltou a acertar os contra-ataques. Rodrigo Caio teve chance clara aos 25, com cabeceio muito perigoso, mas o goleiro conseguiu segurar. E aos 28 a pressão surtiu efeito.
Alfredo recebeu o passe na entrada da área, driblou o zagueiro e tocou no canto esquerdo do goleiro, abrindo o pl…

Com assistência de Nenê, PSG goleia Troyes e assume ponta do Francês

Após a surpreendente derrota em casa para o Rennes na semana passada, o Paris Saint-Germain conseguiu sua reabilitação no Campeonato Francês em grande estilo. Jogando neste sábado no Parque dos Príncipes, o time de Nenê goleou o Troyes por 4 a 0, em compromisso pela 14ª rodada.
O sueco Ibrahimovic marcou dois gols, um deles após belo passe do meia-atacante brasileiro. Maxwell e Matuidi completaram o placar para os parisienses, que chegaram aos 26 pontos, reassumindo provisoriamente a liderança da competição.
“A gente entrou em campo sabendo da importância da vitória para reabilitar a equipe dos últimos resultados e retomar o primeiro lugar que deixamos escapar. Felizmente fizemos um bom jogo e alcançamos nosso objetivo”, declarou Nenê.
O PSG volta a jogar pelo Campeonato Francês no próximo sábado, quando visita o Nice. Antes, na terça-feira, o time de Paris encara o Saint-Etienne, também fora de casa, no confronto único pelas quartas de final da Copa da Liga.
Matéria: Tática Assessoria – …

Futebol: Ex-técnico do Galo reprova tabela de jogos do Comercial na Série A-2

Ao contrário da diretoria do Comercial, que se mostrou satisfeita com a composição da tabela da Série A2 divulgada na tarde da última quinta-feira no Conselho Técnico realizado na sede da FPF (Federação Paulista de Futebol), o técnico Wagner Lopes (ex-Paulista) reprovou a "desumana" sequência de jogos pela qual o Leão do Norte será submetido na competição da próxima temporada.

O comandante comercialino também questionou a fórmula de disputa do Estadual de 2013. "É uma sequência desumana. Vamos fazer 19 jogos em 60 dias, são muitas partidas em pouco tempo. Sinceramente, não vejo motivos para isso. Mas essa é uma posição minha e não do Comercial", afirmou Lopes. Com o calendário cheio, o treinador já elaborou a estratégia para o elenco suportar a maratona de jogos. "Não posso treinar o time, apenas irei ajustar a equipe taticamente, não podemos exigir muito dos atletas."
Matéria: Jornal A Cidade – Ribeirão Preto