Fut: Dirigentes e atletas de Vinhedo prestigiam palestra sobre ligas - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Fut: Dirigentes e atletas de Vinhedo prestigiam palestra sobre ligas

Aproximadamente 50 dirigentes e atletas estiveram na noite de quarta-feira no Ceprovi, na palestra promovida pela Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer, sobre a criação de ligas de futebol e futsal na cidade. A palestra foi proferida por Rodolfo Ferreira, coordenador da Liga Paulistana de Futebol Amador e do Instituto Esporte e Cidadania.

O encontro teve como finalidade levar aos atletas e dirigentes as informações sobre o funcionamento de uma liga de futebol e futsal. Na palestra Rodolfo Ferreira explicou basicamente como se cria uma liga, como é o seu funcionamento e sua relação com a Prefeitura. O palestrante usou como exemplo uma liga de futebol criada na capital paulista.

Resumindo, uma liga de futebol ou futsal representa os interesses das equipes locais e tem como finalidade coordenar as atividades da modalidade e buscar convênios, além de formular seu próprio estatuto e regras, em busca da auto-suficiência dos times. O prazo para buscar recursos como o da Lei do Incentivo ao Esporte, segundo o palestrante, é após 2 anos de atividades da Liga.

O Secretário de Esportes e Lazer da Prefeitura de Vinhedo, Gustavo Zampieri, presente ao evento, declarou que todos devem avaliar agora o que ouviram e a decisão é dos dirigentes, mas adiantou que a municipalidade está disposta a destinar a ajudar a futura liga destinando a atual verba utilizada.

“Hoje sabemos quanto é gasto para organizar e manter os torneios de futebol e futsal na cidade e esse valor poderia ser repassado em convênio para a liga começar”, afirma o Secretário.

Heleno Ferreira da Costa, dirigente do Classe-A, campeão do último torneio de futsal é favorável, com ressalvas:  “Conheço o funcionamento de uma liga, a proposta é boa, mas tem de ser bem formatada, com um bom estatuto. Conheço cidades onde não deu certo por causa disso”, afirma.

Já para André Luis Teixeira, dirigente do E.C. Vila João XXIII, a hora de montar a Liga é agora:
“O palestrante disse que uma liga só pode buscar patrocínios após dois anos de funcionamento e como já há essa disposição da Prefeitura em repassar a verba de organização para Liga, estamos no momento certo já que a administração do Prefeito Milton Serafim tem três anos pela frente”, afirma.

O jogador de futebol Lenner Ferreira, que integra inclusive a seleção de Vinhedo também é a favor:  “Com a Liga vamos ter poder de decisão e poderemos trazer mais recursos para a cidade”, afirma.  O goleiro do Foga, time de futebol da 1ª Divisão da cidade, Michel Recarti Viola tem dúvidas: “A liga é viável em cidades maiores, com mais atletas e times”, disse. Estava também na palestra o Presidente da Liga Paulistana de Futebol Amador, José Astolfi.

Site da Prefeitura de Vinhedo