PUBLICIDADE

Jundiaí: Complexo do Bolão ganha selo comemorativo nesta quarta-feira

PUBLICIDADE
Site da Prefeitura de Jundiaí – Fábio Manzini

O Complexo Esportivo Nicolino de Lucca, o Bolão, completa 60 anos de existência em outubro. Em comemoração ao aniversário, a Secretaria Adjunta de Esportes programou uma grande festa para lançar e apresentar um selo comemorativo da data. A festa ocorre nesta quarta-feira (16/out), a partir das 8h, no mesmo Bolão.

Em parceria com os Correios, o selo e o carimbo comemorativos criados pela Secretaria de Comunicação Social vão circular durante um mês em todas as correspondências emitidas na cidade. “É uma alegria muito grande participar, juntamente com a equipe da Comunicação Social, da elaboração deste selo. É o registro histórico do mais importante equipamento esportivo de Jundiaí”, disse Cristiano Guimarães, secretário de Comunicação.

O secretário adjunto de Esportes, Cristiano Lopes, afirmou que todas as pessoas que fizeram a história do Bolão estão sendo reunidas. “É um símbolo da cidade e pretendemos fazer uma revitalização no local, pensando na acessibilidade e, finalmente, em atender uma demanda antiga que é a criação do museu.” Além do selo, ocorrerá nesta quarta-feira a apresentação de coreografias do Peama (Programa de Esportes e Atividades Motoras Adaptadas), da Prefeitura de Jundiaí, da Esef e da ginástica rítmica.

A Secretaria de Comunicação Social também produziu uma série de reportagens especiais que conta a história do complexo esportivo. Por meio de vários personagens que fizeram parte destes 60 anos, a pasta busca resgatar toda a glória e pompa que o popular ‘Bolão’ trouxe para o município.

História -  O Bolão foi inaugurado dia 4 de outubro de 1953, pelo prefeito Luiz Latorre, para ser utilizado na disputa do 18º Jogos Abertos do Interior. O primeiro jogo realizado foi o de basquete feminino entre Jundiaí e Itatiba. A primeira cesta oficial foi marcada pela jogadora de Jundiaí, Neyde Carlos Pereira, a “Ponce de Leon”.

O projeto é do arquiteto Vasco Antônio Venchiarutti, que por dois mandatos (1948-1951; 1956-1959) governou a cidade. Tratava-se, para a época, de uma proposta inovadora: um dos maiores vãos livres sob cúpula de concreto até então construídos. Graças a este projeto, ele recebeu o 2º prêmio arquitetura ‘Governo de São Paulo’ no salão paulista de Belas Artes

Por todo o envolvimento e dedicação no processo de construção, o ginásio recebeu o nome do Dr. Nicolino de Lucca, médico e grande jogador de xadrez. Em 1984, foi feita uma ampliação no complexo, com a construção do edifício anexo, das quadras poliesportivas e da pista de atletismo.

O Bolão já foi sede da equipe de vôlei Leites Nestlé, do time de basquete do Corinthians (que tinha Oscar Schmidt como astro) e a casa do Perdigão/Divino de Magic Paula, no basquete feminino. O local foi palco de grandes eventos, não só esportivos como culturais e educativos. Os Harllen Globe Trothers, o American Stard, a seleção uruguaia e a seleção brasileira de basquete passaram pelas quadras do ginásio. Em 1971, o presidente general Emílio Garrastazu Médici veio até Jundiaí, no Bolão, entregar diplomas para 5 mil estudantes do extinto Mobral.

Hoje, o conjunto poliesportivo doutor Nicolino de Lucca é composto pelo ginásio de esportes, quadras poliesportivas, quadras de tênis, pista de atletismo, piscinas descoberta e coberta aquecida, além de abrigar o edifício da Escola de Educação Física (Esef) de Jundiaí.
Jundiaí: Complexo do Bolão ganha selo comemorativo nesta quarta-feira Jundiaí: Complexo do Bolão ganha selo comemorativo nesta quarta-feira Reviewed by Thiago Batista de Olim on 03:19 Rating: 5

Últimas - Confira!!!

PUBLICIDADE