01/04/13 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 1, 2013

Fora de casa, Nacional vence Vila Ema em quatro categorias

Thiago Batista – Site Esporte Jundiaí Com informações de Nacional Atlético Clube        

As categorias menores do Nacional entraram em quadra no último sábado pela 2ª rodada do Metropolitano de futsal da Série A2, quando enfrentaram o Vila Ema, no ginásio Presidente Ciro I, na capital paulista. O time jundiaiense acumulou quatro vitórias e apenas uma derrota. O único revés foi no sub 11, derrota por 5 a 2. O sub 13 do NAC venceu por 6 a 4, o sub 9 bateu o adversário por 6 a 3, o sub 15 venceu por 8 a 1 e o sub 17 ganhou por 7 a 6.

Campo Limpo recebe 2 jogos da Copa Tv Tem nesta 2ª feira

Thiago Batista Site Esporte Jundiaí

O ginásio Nenezão, em Campo Limpo receberá dois jogos da Copa Tv Tem de futsal nesta segunda-feira. A partir das 19h30, o local recebe o clássico Itatiba e Várzea Paulista pelo torneio feminino. Os dois times não tem pontos no grupo 2, sendo que Várzea já jogou (derrota para Campo Limpo por 3 a 2), enquanto Itatiba estreia no torneio. Na sequência, às 20h, pelo torneio masculino tem o confronto Campo Limpo e Várzea Paulista. Campo Limpo com um empate já se classifica a próxima fase. O time tem 3 pontos no grupo 1, já que na 1ª rodada, goleou Itatiba por 10 a 3. Várzea fará sua estreia no torneio.

Conselho arbitral da Série A do Jundiaiense será nesta 2ª feira

Thiago Batista Site Esporte Jundiaí
Nesta segunda-feira (dia 1º de abril, e não é mentira), às 19h, a Liga Jundiaiense de Futebol realiza o primeiro conselho arbitral da Série A do Campeonato Jundiaiense de futebol em sua sede no bairro do Anhangabaú, próximo ao Bolão.
Na reunião deve ser ratificado que o torneio começa no dia 21 de abril com o jogo entre Jamaica e Sport Sorocabana, às 10h, no Dal Santo, na Vila Rami e as demais partidas da rodada inaugural ocorrendo no dia 28 de abril. Deve também se confirmar fórmula de disputa e tabela das primeiras rodadas.

O torneio da temporada 2013 terá a participação de 19 equipes: União da Vila, Estrela, Grêmio Marlene, Jamaica, Ponte Preta, Cruzeiro, Engordadouro, Shangai, Nove de Julho, Aliança, 14 de Dezembro, São Camilo, Palmeiras, Alamedas, Sport Sorocabana, Rui Barbosa, União Sorocabana, Ivoturucaia e Império. O torneio era para ter o Botafogo, atual campeão da Série B, que pediu licença.

Infeliz pela derrota, Alfredo ganha confiança no Galo

Site oficial do Paulista Da assessoria de imprensa
Destaque positivo do Galo na tarde de hoje em Bragança Paulista, o atacante Alfredo concedeu entrevista coletiva após a partida (derrota para o Bragantino por 2 a 1) e falou sobre seu primeiro gol no Campeonato Paulista de 2013. “O gol foi muito importante para mim, me dá mais confiança para as últimas rodadas. Estou trabalhando forte e venho buscando meu espaço”.
Sobre a derrota e a situação do Galo, o atacante mostrou confiança. “Começamos bem o jogo mas acabamos deixando eles fazerem o gol em um momento que era nosso. O segundo gol então prejudicou muito a gente. Lutamos, mas não conseguimos hoje mais uma vez. As vitórias não estão vindo, mas estamos fazendo a nossa parte.”

Como Marcelo Macedo saiu machucado na partida de hoje (jogador será reavaliado na segunda-feira), o atacante é uma das opções que o técnico Giba terá para a próxima partida do Paulistão, no próximo sábado em Mogi Mirim.

“A sequência pesou”, diz Giba, após derrota em Bragança

Site oficial do Paulista Da assessoria de imprensa
Após a derrota por 2 a 1 contra o Bragantino na tarde de hoje, o técnico Giba ressaltou, em entrevista coletiva, a dificuldade que a sequência de jogos ocasionou nos jogadores do Paulista em Bragança.
“A minha preocupação maior hoje é a parte física dos atletas. Essa sequência que jogamos nas últimas rodadas foi extremamente forte, e mesmo com todos à disposição, é muito desgastante. Tanto que senti um cansaço nos nossos jogadores hoje, e precisei trocar relativamente cedo no segundo tempo, não foi nenhuma mudança tática”, comentou.
Com a sequência de sete jogos em vinte e dois dias finalizada, o treinador terá a semana livre para trabalhar com os jogadores e preparar a equipe para o confronto do próximo sábado diante do Mogi Mirim, às 18h30, em Mogi.

“A partir de agora teremos jogos espaçados, e essa semana que teremos é o suficiente para recuperarmos os atletas para esta reta final do campeonato”. O técnico já sabe que não poderá uti…

Futebol: Marcelo Veiga joga responsabilidade para o rival

Jornal A Cidade De Ribeirão Preto
Logo após a vitória por 2 a 1 sobre o Ituano, no último sábado, o técnico do Botafogo de Ribeirão, Marcelo Veiga (ex-Paulista),  já fazia planos para o jogo contra o São Paulo, no próximo domingo, no estádio Santa Cruz. Para o treinador, o time da Capital é amplo favorito. “A responsabilidade [de vitória] é do São Paulo, que é o time grande a ser batido”, afirmou, antes do Tricolor do Morumbi ser derrotado pelo Corinthians.

Porém, Veiga lembrou que uma vitória seria um presente para a torcida. “É mais uma batalha, mas vamos simplesinhos com o pé no chão. Uma vitória seria um presente para esse elenco, para a diretoria e para a torcida”, declarou. O Botafogo não vence um dos quatro times grandes do Estado há mais de dois anos. A última vitória foi exatamente contra o São Paulo, em casa, no dia 6 de fevereiro de 2011, também pelo Paulistão

Em coletiva tensa, Mancini critica postura de jogadores

Site Superesportes De Recife A derrota no Clássico das Emoções para o Santa Cruz por 2 a 0 custou muito mais que a liderança para o Náutico. O clima de tranquilidade que imperava nos Aflitos deu lugar a uma crise que já começa a ameaçar o cargo de Vágner Mancini (ex-Paulista). Na coletiva após a partida, o treinador criticou a postura dos atletas e disparou contra o ex-presidente André Campos que minutos antes atribuíra ao técnico a culpa pelo novo tropeço.
Tentando manter um tom de tranquilidade, Mancini reconheceu a superioridade do Santa Cruz na partida, mas ressaltou que o trabalho não está condenado. “Sempre que você perde um jogo como esse, surgem reações como se estivesse tudo errado. Não podemos pensar desta forma. Uma derrota num clássico gera dúvidas, mas não significa que está tudo errado”, pontuou.
A partir daí, a coletiva mudou de tom. Questionado sobre a eficácia do treino fechado, o técnico rebateu: “Não perdemos porque fizemos treino de portão fechado. Perdemos porque f…