04/04/14 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 4, 2014

Sororoca: Nos pênaltis, Unidos da Louça é campeão

O Unidos da Louça é difícil de quebrar. No Torneio Sororoca não sofreu nenhum dano. A taça, que não é de louça, foi complicada de se conquistar. 
Mas a lágrima, ou sabão da vitória valeu a pena.
Nesta quinta-feira, nos pênaltis, o Louça derrotou a Força por 1 a 0, depois de empate por 1 a 1 após a prorrogação e levou o título da 1ª edição do torneio, que ocorreu no centro esportivo José Brenna.
A partida foi de duas partidas querendo a taça. O primeiro gol somente ocorreu no segundo tempo, com William, aos 2 minutos. No fim do segundo tempo, o jogo esquentou, com o técnico do Unidos, Kabrita, discutindo com um dos árbitros do jogo, após falta sofrida pelo atleta do Louça que o expulsou, por reclamação (ele que na súmula estava inscrito também como jogador).
O empate do Unidos saiu apenas no terceiro tempo, aos 4 minutos, com Ralf, em cobrança de falta direta. O equilíbrio, que foi à tona do jogo, permaneceu até o final da partida e também na prorrogação.

Apenas os pênaltis, poderiam dese…

Sororoca: Destaques do torneio são premiados

Após a disputa final do Torneio Sororoca, os melhores da competição foram premiados. Destaque para Ralf, do Unidos da Louça, autor do gol do seu time no tempo regulamentar, e levou o prêmio de destaque da final.
O goleiro do campeonato foi Gustavo Quatroque, do Força. O técnico do Maranhão, Hildimar foi eleito o destaque, entre os treinadores, pela sua dedicação.
No próximo ano, ocorrerá a segunda edição do Torneio Sororoca. O secretário de esportes, Cristiano Lopes, adiantou, que a competição começará mais cedo, em relação a 2014, devendo ser na segunda quinzena de janeiro, para aproveitar o horário de verão.
Thiago Batista – Site Esporte Jundiaí (texto e fotos)

Sororoca: Maranhão do Sul leva o bronze sem jogar

Antes da decisão era para ocorrer a decisão de terceiro lugar do Torneio Sororoca de futebol de areia. Era para ocorrer. 

Pois o JM não compareceu com número suficiente de atletas para enfrentar o Maranhão do Sul, nesta quinta-feira, e assim perdeu pelo placar administrativo de 1 a 0.
Com isso, claro, o time que homenageia o Maranhão no torneio terminou com a medalha de bronze do torneio. Alguns atletas do JM até estiveram no Sororoca, e receberam seu prêmio como quarto colocado, caso de Marcinho, que mesmo suspenso, foi prestigiar o dia final da competição.
Thiago Batista – Site Esporte Jundiaí (texto e fotos)

Sororoca: Para Kabrita título tinha que ter emoção

Ele jogou em alguns momentos no torneio. Em outros foi o paizão do time. Em outros cobrava da arbitragem. Não pode ficar na quadra no fim da partida, pois foi expulsão. 

Mas após o pênalti desperdiçado pelo Força, ele não conteve a emoção: Carlos Aguiar, o Kabrita, comandou o Unidos da Louça rumo ao título do Torneio Sororoca.
Assim que acabou a disputa de pênaltis, Kabrita voltou a quadra e foi comemorar com os jogadores e gritava “Somos campeões, somos campeões”. Após a partida, o treinador disse que seu time mereceu ganhar o torneio, devido a dedicação dos seus atletas. “A gente se esforçou. Alguns largaram as aulas da faculdade, para estar aqui e se dedicar e mereceram”, comentou.
Kabrita, estava emocionado, pois a base do time é a mesma que ele comandou no ano passado no Campeonato dos Rodoviários, mas a equipe foi impedida de atuar nesta temporada, segundo o treinador. “Essa conquista não tem palavras”. E ele brincou: “A nossa Louça não é frágil e forte’, completou.

Thiago Batista …