16/11/14 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 16, 2014

Herói da Ponte no 1º jogo venceu um tumor para jogar bola

Nome principal da vitória da Ponte Preta sobre o Grêmio Marlene por 1 a 0, neste domingo, no primeiro confronto da decisão do Campeonato Amador de Jundiaí – Série A, Ricardo Geovane, o Paraguaio, teve uma batalha maior na sua vida, na qual venceu: um tumor no pé, que poderia o tirar de jogar futebol. Está história o jogador revelou em uma entrevista ao Site Esporte Jundiaí, em 25 de setembro de 2011, dia que a Ponte oficialmente conquistou o acesso a Série A, ao empatar por 1 a 1 com o Medeiros, em confronto válido pela 2ª fase da Série B daquele ano.
PONTE DO "PARAGUAI" VENCE 1º JOGO DA FINAL

Sobre o tumor na época ele disse: “Foi uma vitória minha, pois voltei a jogar. Quando operei em 2009, os médicos me falaram que eu deveria procurar outro esporte que não fosse praticado com o pé, como a natação”, disse o atleta. Paraguaio esteve na caminhada dura da Ponte na Série B de 2011, quando foi o artilheiro com 15 gols. E permaneceu no clube até hoje, para ser o herói do prime…

Ponte Preta, do “Paraguai”, vence 1º jogo da final do Amador

A Ponte Preta da Agapaema, hoje pode ser chamada de Ponte Preta do Paraguai. Não, não é piada. Foi com um gol do atacante Paraguaio, aos 34 minutos do segundo tempo, que os ponte-pretanos venceram o Grêmio Marlene por 1 a 0, neste domingo, no primeiro jogo da decisão do Campeonato Amador de Jundiaí. Com o resultado, disputa aberta no próximo dia 23. O empate garante a taça a Ponte. Quem vencer garante a vitória. Até mesmo a vitória simples serve para o Marlene, que neste caso levanta a taça, pois igualdade no agregado, favorece a melhor campanha na 1ª fase, neste caso, os gremistas.
O herói marcou o gol, após um erro do goleiro Cristiano, que soltou a bola, em chute de fora da área de Fábio Gomes. Mas também um erro defensivo da defesa do Marlene, já que após o erro do seu camisa 12, além de Paraguaio, Alexandre e Rondsow estavam livres para chutar a bola.

Mas a bola ficou nos pés do camisa 16. Sim, 16, pois ele queria usar este número antes. Paraugaio, tradicionalmente usa a camisa …

Final do Amador: Melhor defesa versus melhor ataque

Neste domingo começa a decisão do Campeonato Amador de Jundiaí, entre Grêmio Marlene e Ponte Preta. A partida que ocorrerá no centro esportivo Francisco Dal Santo, a partir das 10h da manhã, será um confronto de opostos. De um lado melhor ataque e clube bem experiente em finais. Do outro, a melhor defesa, e agremiação que conhece pela primeira vez o sabor de disputar duas partidas, que no fim definem que ficará com o título. Os gremistas tem o melhor ataque da competição: marcaram 41 gols em 20 jogos no torneio, média de 2,05 por partida. O Marlene, fundado em 2007, e na elite jundiaiense desde 2009, chega a sua quinta final, mas conquistou a taça uma única vez (2010) e agora quer derrubar uma série de dois vices seguidos nas duas últimas decisões que disputou (2011 e 2012). Os pontepretanos tem a melhor defesa do campeonato: sofrem apenas 12 gols em 20 jogos, média de 0,60 gol sofrido por jogo. Mas o clube fundando em 31 de dezembro de 1968, pela primeira vez chega a decisão da elite j…

Copa São Paulo: Depois de 2 anos, Galo novamente em Sumaré

A Federação Paulista de Futebol divulgou no final da tarde desta sexta-feira, os grupos da 46ª edição da Copa São Paulo de futebol junior, que ocorrerá entre 3 e 25 de janeiro de 2015. O Tricolor estará mais uma vez na competição. E voltará a uma cidade, onde esteve em 2012: Sumaré. 

A cidade da região de Campinas será sede do grupo K, que tem ainda o time da casa, o Sport de Recife e o Cacerense/MT. A tabela com a ordem das partidas será divulgada nos próximos dias. Serão 104 times, divididos em 26 grupos. Os times jogando dentro da chave na primeira fase e os primeiros de cada grupo e os seis melhores segundos colocados avançam de fase.

O Paulista, quando ficou na sede de Sumaré, em 2012, jogou três vezes na cidade, e venceu os três (venceu o Sumaré por 3 a 0, Fortaleza por 2 a 0, e Goiânia por 3 a 1).



Thiago Batista - Site Esporte Jundiaí