28/09/15 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 28, 2015

Copa Latina: Kumahara leva o Absoluto A antes da Copa do Mundo

Prestes a embarcar para um período de treinamentos na China e para a disputa da Copa do Mundo individual, Caroline Kumahara (São Caetano/Seest/Xiom-SP) levará na bagagem uma importante motivação: o título do Absoluto A feminino da quarta etapa da Copa Brasil 2015, conquistado neste domingo (27), em Jundiaí (SP).
A mesatenista de 21 anos venceu na decisão a companheira de equipe e de seleção brasileira Bruna Alexandre por 3 sets a 2, parciais de 7/11, 9/11, 11/6, 11/6 e 11/5. Priscila Dias (FranTT-Tibhar/Café Morro Grande/Selam/Piracicaba-SP) e Carina Murashige (FME Concórdia-SC) ficaram com o bronze.
Carol embarcará para a China no próximo dia 8. De lá, viajará para Kobe, no Japão, onde disputará a Copa do Mundo individual de 30 de outubro a 1º de novembro. A brasileira se garantiu na competição após conquistar o título da Copa Latino-Americana, em maio.
Para Carol, a Copa Brasil foi uma importante etapa na sua preparação.
“É bom ganhar com essa pressão. Não tem jogo fácil, todas sol…

Copa Latina: Gustavo Tsuboi vence brasileiro e é campeão em Jundiaí

Na grande final da Copa Latina 2015, etapa de Jundiaí (SP), Gustavo Tsuboi superou o companheiro de seleção brasileira Cazuo Matsumoto por 4 a 2 (7/11, 11/7, 11/8, 10/12, 11/9 e 12/10) em mais um grande duelo pelo torneio internacional.
“É sempre difícil jogar com quem a gente treina. Sabemos as jogadas, as táticas, os defeitos também, então o jogo sempre é disputado e quem tiver mais concentrado no dia consegue vencer”, declarou Tsuboi, após o título.
Cabeça de chave número 1 da competição, o 63º colocado no ranking mundial só teve uma vitória tranquila contra o jovem Vitor Santos, na estreia (4 a 0), mas depois encarou dois adversários difíceis, que valorizaram sua passagem à final: Enio Mendes (POR) e Eric Jouti.
Contra o português, Tsuboi foi derrotado nos dois primeiros sets, mas acabou vencendo por 4 a 3 (7/11, 6/11, 11/8, 11/6, 8/11, 11/9 e 11/9). Diante de Eric Jouti (296º), o placar se repetiu em mais uma grande partida: parciais de 13/11, 11/9, 11/5,  11/13, 5/11, 5/11 e 11…

Copa Brasil – Jundiaí: Em grande fase, Nakashima repete dobradinha

Enzo Nakashima (Associação Joinvilense de Tênis de Mesa-SC) deu continuidade à grande temporada que vive em 2015 e sagrou-se campeão juvenil e infantil da quarta etapa da Copa Brasil, em Jundiaí (SP), neste domingo (27).
“Estou fazendo o meu jogo. Em todos os campeonatos que joguei esse ano estava me sentindo muito bem e aqui não foi diferente, tanto que conseguimos repetir a dobradinha de Maceió”, lembrou Enzo.
Além da segunda ocasião em que leva o título em duas categorias – a primeira foi na etapa de Maceió (AL) -, Enzo conquistou a medalha de ouro também no Campeonato Brasileiro, no infantil.
Em Jundiaí, o irmão de Alexia Nakahashima superou Rafael Torino (São Caetano/SEEST/Xiom-SP) na final infantil em um grande jogo, por 3 a 2 (parciais de 11/9, 11/8, 6/11, 5/11, 11/5), e atribuiu a vitória justamente à boa fase.
“Quando a confiança está em alta é muito bom, porque você erra e não sente o erro, simplesmente continua. Então foi isso que aconteceu ali no final. Claro que eu prefe…

Copa Brasil Jundiaí: Humberto Manhani conquista o Absoluto A

Após conquistarem importantes vitórias juntos durante a disputa da Universíade, em julho, Humberto Manhani (FME Criciúma/Yasaka-SC) e Danilo Toma (FME Concórdia-SC) estiveram neste domingo (27) pela primeira vez em lados opostos na mesa. O primeiro levou a melhor por 3 sets a 2 (11/4, 10/12, 11/7, 5/11 e 11/6) e conquistou o título do Absoluto A da quarta etapa da Copa Brasil 2015, disputada em Jundiaí (SP).
Eliminados nas semifinais, Israel Barreto (APCEF Manaus-AM) e Murilo Rodrigues (AsmeTT Brasília-DF) terminaram na terceira posição e levaram a medalha de bronze.
Os finalistas já treinaram juntos e tiveram uma boa participação na Universíade, realizada em Gwangju, na Coreia do Sul. A parceria brasileira chegou às oitavas de final, após conquistar vitórias sobre os alemães Alexander Flemming/Ruwen Filus e os eslovacos Kristian Kobes/Jakub Figel.
“Fomos muito bem lá, ganhamos da Alemanha e da Eslováquia. Já tínhamos jogado juntos, mas foi o nosso resultado mais expressivo juntos. V…

Copa Brasil – Jundiaí: Campeãs sul-americanas dominam torneio mirim

O torneio mirim feminino da quarta etapa da Copa Brasil, em Jundiaí (SP), foi dominado pelas representantes do Brasil no Sul-Americano da categoria, disputado no Peru.  As campeãs por equipes Livia Lima, Juliana Shintate, Karin Tsumura e Beatriz Kimoto fizeram as semifinais, com título de Livia no fim.
Como não poderia ser diferente, a decisão entre Beatriz Kimoto (São Caetano/SEEST/Xiom-SP)  e Livia Lima (Associação Nova Era de Tênis de Mesa-SP) foi extremamente equilibrada – Livia venceu por 3 a 2, parciais de 12/14, 9/11, 11/7, 11/7 e 11/0. 
“O jogo foi bem disputado. Mesmo ela ganhando os dois primeiros sets eu consegui virar, mas foi realmente muito puxado”, contou a jovem mesatenista.
Além do título sul-americano por equipes, Beatriz e Livia levaram o torneio de duplas jogando juntas. Ainda neste ano, elas já haviam se enfrentado na primeira etapa da Copa Brasil, em Piracicaba (SP).
“Eu já tinha jogado contra ela na Copa Brasil Piracicaba e ganhado. Então quando comecei perden…

Desafio Paralímpico: no Bolão, Carlos Carbinatti vence Jose Ruiz

Em duelo válido pelo Desafio Internacional Paralímpico, paralelo à disputa da etapa de Jundiaí (SP) da Copa Latina, o campeão parapan-americano Carlos Carbinatti (19º no ranking mundial da Classe 10) encarou o espanhol Jose Ruiz (3º na Classe 10) e derrotou o adversário por 2 a 0 (11/9 e 11/7).
Rival de Carbinatti neste sábado (26), Ruiz é bicampeão Mundial (1998 e 2010), tetracampeão europeu (2001, 2007 e 2009) e dono de quatro medalhas em Jogos Paralímpicos, sendo duas pratas e dois bronzes (2000, 2008 e 2012).
“Eu esperava um pouco mais de dificuldades, mas felizmente fui muito bem e acertei ótimos contra-ataques. Ele também entrou de forma bem ofensiva, por isso foi rápido”, analisou Carlos.
Confirmado nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, o mesatenista brasileiro destacou que, além da vitória contra um grande adversário, o ambiente também serve como teste para competições maiores.
“Apesar do Desafio não ser do tamanho dos Jogos Paralímpicos ou Parapan-anos, estar aq…

CAP e Nacional empatam por 0 a 0 e Galo termina líder a primeira rodada

Penapolense e Nacional estrearam na segunda fase da Copa Paulista na manhã deste domingo num jogo de sol quente e futebol morno, disputado no estádio Tenente Carriço, em Penápolis. O resultado, óbvio, foi um sonolento 0 a 0.
Apesar de jogar em casa, o CAP conseguiu criar muito pouco no primeiro tempo diante de um Nacional que claramente fez opção pela defesa. Logo no início da segunda etapa, o meia Paraíba, que já tinha cartão amarelo, recebe o segundo por simular um pênalti, é expulso e deixa o Penapolense com um a menos. Mesmo assim, o Nacional não aproveita a vantagem e o jogo termina num monótono empate sem gols.
Com o empate, Penapoelense e Nacional ficam com um, iguais na segunda colocação do Grupo 7, atrás do líder Paulista e à frente do lanterna Rio Branco. Nesta fase, as equipes jogam entre si, em turno e returno, classificando-se para as quartas de final os dois primeiros de cada um dos três grupos, além dos dois melhores segundo colocados.
Pela segunda rodada do Grupo 7, a…

Paulista vence Rio Branco na abertura da segunda fase do grupo 7

O Paulista fez a sua lição de casa e venceu o Rio Branco, por 3 a 1, na tarde deste sábado, em partida que abriu a segunda fase da Copa Paulista, torneio que garante ao seu campeão uma vaga na Copa do Brasil do próximo ano. O jogo, válido pelo Grupo 7, foi realizada no estádio Jayme Cintra, em Jundiaí.
O resultado derrubou o penúltimo invicto da competição, o Rio Branco, que não havia perdido nas seis partidas disputadas na primeira fase. Agora, apenas o Ituano segue nessa condição. Mesmo diante de pouco torcedores, o Paulista não teve dificuldades para dominar o jogo e abrir 2 a 0 no primeiro tempo, com gols de Gabriel Cajano.
O Tigre de Americana ensaiou uma reação, diminiui no início do segundo tempo, mas um pênalti cometido a 15 minutos do fim pôs fim a pressão. O Paulista converteu a penalidade e administrou a vantagem até o fim.
Com o resultado, o Paulista assume a liderança provisória do Grupo 7, com três pontos, posição que pode ser perdida caso Penapolense ou Nacional venç…