Header AD

6 de novembro de 2017

Vai para leilão de novo... Justiça do Trabalho novamente coloca Jayme Cintra para leilão


Novamente o Paulista viverá momentos tensos neste ano. Divulgado inicialmente pelo site JundiAqui e depois confirmado pela reportagem do Esporte Jundiaí, o estádio Jayme Cintra, de propriedade do Paulista, foi colocado para leilão novamente, pela Justiça do Trabalho, em Campinas, no próximo dia 24 de novembro.

O valor de avaliação divulgado pela empresa Gilson Inumaru é de R$ 35.112.486,73 com lance mínimo de R$ 17.556.243,36. Já está aberto para ofertas - nenhuma foi feita até 16h30 desta segunda-feira, segundo conferir a reportagem do Esporte Jundiaí no link disponível – http://gilsonleiloes.com.br/externo/lote/detalhes/2393769. A descrição do leilão informa apenas a metragem de área construída (5,707 m²) e de terreno (32.520m²) e que fica localizando no Jardim Pacaembu. 52 visitas já haviam sido feitas na página do leilão.

É a segunda vez que o estádio Jayme Cintra vai a leilão. Em 27 de abril deste ano, o estádio foi a leilão, pelo mesma Justiça do Trabalho, em Campinas. O valor mínimo era quase o mesmo que atual – era de R$ 17.561.243,37, valor colocado agora. O estádio pode ir a leilão até três vezes. Se não for vendido nas três vezes que for a leilão, a Justiça determina uma nova forma de garantia da dívida.

O estádio Jayme Cintra foi penhorado em 2013. Na ocasião foi entregue à Justiça do Trabalho como forma de pagamento de dívidas trabalhistas. Na época, a dívida era de R$ 3,5 milhões. O leilão foi determinado pelo juiz da 3ª Vara do Trabalho de Jundiaí, que agrega vários processos. A dívida gira em torno de R$ 1,4 milhões. São 19 os reclamantes, que são eles: Eduardo Moreira Geraldo; Sindicato dos empregados de clubes esportivos e em Federações, Confederações e academias esportivas no estado de São Paulo, Vanderlei Mascarenhas dos Santos (ex-atacante do Paulista), Anderson Thiago de Souza (conhecido como Thiago, atacante que em 2015 defendeu o São Gabriel-RS) , Simone Fernandes de Araújo, Everton Luiz de Paulo (ex-zagueiro do Galo), Sandra Regina Hoffmann Pessoto, Gilmar do Amaral, Júlio César Antônio de Souza (ex-atacante), Felipe Monteiro Diogo (Felipe Sodinha - ex-meia), Luiz Mauro Cosentino Lacerda, Caio Rancoleta, Adinam Cardozo (ex-goleiro), Fabricio Rodrigues Da Silva (meia que no 1º semestre defendeu o Maringá), Caio Rancoleta, Matheus Galdezani (volante que está atualmente no Coritiba), Joao Henrique da Silva (atacante que no 1º semestre defendeu o rebaixado Rio Preto na Série A-2), Antônio Carlos Ribeiro, e Felipe Torres Julio.
Vai para leilão de novo... Justiça do Trabalho novamente coloca Jayme Cintra para leilão Vai para leilão de novo... Justiça do Trabalho novamente coloca Jayme Cintra para leilão Reviewed by Thiago Batista de Olim on 16:46 Rating: 5