Amador da Série A de Várzea Paulista deverá ter nova fórmula de disputa em 2018 - Esporte Jundiaí

22/12/2017

Amador da Série A de Várzea Paulista deverá ter nova fórmula de disputa em 2018


A Série A do Campeonato Amador de Várzea Paulista deverá ficar maior na temporada 2018. Em extensão e em jogos. Se o clube campeão, o Primus, precisou de 19 jogos para ficar com o título, na próxima temporada para levantar o troféu de 1º colocado o time terá que jogar 23 partidas. Foi o que disse o gestor de esportes da Prefeitura de Várzea Paulista, Tiago Silso, a reportagem do Esporte Jundiaí, na última quarta-feira, durante a festa de encerramento do Campeonato Amador da cidade.

“Ano que vem os 18 times estarão se enfrentando em um turno único, com os oito melhores passando ao mata-mata, que sempre serão em dois jogos. Os quatro piores times serão rebaixados, para que em 2019 a gente possa ter apenas 16 clubes na elite”, adiantou Silso. “A expectativa nossa em 2018 é ter um campeonato ainda melhor que foi este ano, para que no futuro o futebol de Várzea Paulista seja uma das maiores forças do estado”, completou.

Sobre a festa da última quarta-feira, para ele foi tudo a altura que o campeonato teve. “Foi uma forma de homenagear as equipes e os atletas que se destacaram no Amador de 2017”, disse. Sobre projetos nos outros esportes, fora o futebol, além da cidade tentar trazer jogos da Copa Tv Tem de futsal (conforme o Esporte Jundiaí adiantou em matéria nesta quinta-feira – clique aqui e confira detalhes), existem outros projetos. “Estamos trazendo pela 1ª vez para a cidade boxe, também estamos implantando ginástica artística em Várzea Paulista) e um projeto grande no atletismo e também um trabalho no futsal amador junto com Eri”, contou.