15/01/17 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 15, 2017

Copa Vila Arens: Asp-fut chega a 2ª vitória. Três times ganham em suas estreias

A segunda rodada da Copa Vila Arens de futsal deixou os quatro grupos da competição totalmente equilibrados. Apenas um time, após jogar duas vezes, tem 100% de aproveitamento: é o Gobb’s/Asp-fut, que venceu o Brothers de goleada, neste domingo, por 6 a 0. O time ocupa a segunda posição do grupo B com seis pontos, já que o Inter lidera a chave com 7 (já computados os pontos do confronto que teria contra o NDez, que desistiu da competição). O Inter, no sábado, empatou com o Bayern, por 3 a 3.
Outros quatro times ainda tem a chamada campanha perfeita, mas jogaram apenas uma vez. O Resenha venceu na 1ª rodada e voltou neste final de semana. Os outros três estrearam nesta rodada: O E Nóis bateu o Paiol Veio por 9 a 1, o Colorado superou o Balaco Baco, em clássico da cidade, por 3 a 2, e o Juventus venceu o Real Santa Gertrudes por 5 a 4.

Copa São Paulo: Paulista e Chape tem desfalques para o confronto de terça-feira

Paulista e Chapecoense terão desfalques para o confronto entre ambos na próxima terça-feira, no Jayme Cintra, às 21h, pelas quartas de final da Copa São Paulo de futebol junior. O Galinho não três jogadores que receberam contra o São Carlos o 2º cartão amarelo. Na Chapinha haverá apenas um desfalque por conta de cartão recebido no confronto contra o Ituano.
No Tricolor não jogam o zagueiro Maurílio e os meias Moisés e Criciúma. Nos seus lugares as chances maiores são de entrar Robert Amazonas no sistema defensivo; Vitor Hugo e Arthur no sistema ofensivo. Mas o treinador Umberto Louzer deverá testar as possíveis mudanças no treinamento desta segunda-feira. No Verdão, o zagueiro Luiz Pedro não estará atuando. No seu lugar deve entrar o também defensor Gabriel Alemão.

Copa SP: Pai de Molter acompanhou gol do filho e não aguentou a emoção

Edmilson Ricardo é o pai do versátil Molter, que sempre está atuando nos jogos do Galinho na edição desde ano da Copa São Paulo de futebol junior. Esteve neste sábado, no Jayme Cintra, acompanhando mais uma vez seu filho atuando. E saiu agradecido, pois viu ao vivo, com estádio cheio um gol do filho, algo que deixou ele muito feliz. "Fiquei muito emocionando, qual pai não ficaria. É um sonho!. A gente lutou muito, incentivando ele e agora está realizando o sonho", contou.
Para Molter, o tento que fez neste sábado foi o mais importante que ele anotou na sua carreira. “Desde moleque meu sonho é ser jogador, e cada vez estou dando um passo na frente e é o sonho de todos que estão aqui. Só minha família o que passamos para estar aqui hoje. Esforço dos que estão mais longe e perto, querem me ver feliz e não tenho palavras para descrever”.
O jogador que já atuou em três posições nesta Copa São Paulo (é volante de origem, pode atuar como meia, mas está sendo titular como centroava…

Copa SP: Mãe de goleiro do Galinho não assiste jogo. Pai vai na torcida organizada

Enzo vem sendo um dos principais destaques do Galinho na Copa São Paulo de futebol junior. A cada jogo ele vem ganhando cada vez mais admiradores até pelas suas belas defesas e pelas saídas corajosas do gol. Mas tem uma pessoa que ele tanto gosta que não viu uma imagem dele ao vivo durante a Copinha: a sua mãe. Motivo: medo. "Minha mãe não assiste jogo meu. Nunca assistiu. Ela tem medo de me ver mal. Hoje com jogo televisionado, ela desliga tudo, fica deitada esperando passar horário", contou. Diferente do seu pai, que gosta do verdadeiro espírito do futebol. “"Meu pai no jogo deste sábado estava na Raça (Tricolor - torcida organizada do Paulista). Ele se diverte. É um verdadeiro molecão”, completou o camisa 1 do time jundiaiense.
Enzo, que espera repetir o filme do Paulista em 1997, quando esteve presente na decisão da Copa São Paulo e foi campeão, acompanhou trechos da partida do final de semana da Chapecoense – próximo rival, contra o Ituano. “E um time qualificado…

Copa São Paulo: Uma comissão técnica que joga junto com o time do Galinho

A comissão técnica da categoria sub-20 do Paulista não tem apenas Umberto Louzer. Existe todo um grupo que ajuda diariamente o treinador a tomar as melhores decisões em prol da equipe. A equipe tem o auxiliar Ricardo Rafael dos Santos, o Ricardo Chuva, o preparador físico Andre Albano Mathias e os analistas de desempenho Henrique Borgato Gryszczenko e Thiago Mendes. Toda a equipe esteve trabalhando durante todo o sábado, não apenas durante o jogo do Galinho, mas também observando o futuro rival do time, que no caso será a Chapecoense.
Henrique e Thiago estiveram em Itu no período da manhã para gravar imagens do confronto da Chape contra o Ituano, para que todos da comissão possam analisar os pontos fortes e fracos do time. Ricardo Chuva acompanhou a partida do time catarinense. “A Chapecoense é um time organizado. Nós já analisamos algumas situações. É time frio com a bola no pé e isso é o comportamento da equipe, que costumam rodar muito no meio-de-campo, com muitas trocas, volantes…

No Dia do Treinador de Futebol, Vagner Mancini defende “Lei Caio Júnior”

Na manhã deste sábado - Dia do Treinador de Futebol, o técnico da Chapecoense, Vagner Mancini, concedeu entrevista coletiva na Arena Condá. No bate-papo com os jornalistas, Vagner fez um balanço sobre a semana de treinamentos e apresentou e defendeu a “Lei Caio Júnior”.
Mancini pediu a palavra no fim da coletiva, para falar em nome da Federação de Treinadores do Brasil - que foi fundada por ele e por Caio Júnior - sobre um projeto de melhor regulamentação da lei do treinador. Como forma de homenagem, Mancini e os integrantes da Federação defendem que ela leve o nome do ex-treinador da Chapecoense, Caio Júnior. Essa lei dará aos técnicos de futebol mais respaldo e melhores condições de trabalho.
Nós temos um projeto que está em Brasília, com o deputado José Rocha, estamos pedindo para essa lei se chame Caio Junior, que a partir de hoje se chame assim. Essa era uma luta minha e dele, e estamos fazendo essa homenagem a ele. Esperamos que nossos políticos possam aprovar uma lei que está…

Mamadeira estreia em jogos oficias pelo Sergipe e marca o 1º em goleada do seu time

O meia-atacante Erik Mamadeira (ex-Paulista e campeão com a camisa do Jamaica do futebol amador de Jundiaí em 2012) teve uma grande estreia, em jogos oficiais, com a camisa do Sergipe. O jogador, vestindo a camisa 8, anotou um dos gols da vitória do seu time sobre o Dorense pelo placar de 5 a 0, em partida da 1ª rodada do Campeonato Sergipano. Mamadeira anotou o primeiro gol da sua equipe, aproveitando corta-luz de Fabiano Tanque, após passe de Davi Ceará. “Estou muito feliz por estrear e fazer o meu primeiro gol com a camisa do Sergipe”, disse Mamadeira no intervalo da partida.
No segundo tempo, quem também apareceu foi o ex-meia do Paulista, Gabriel Cajano. O meia que entrou durante o segundo tempo, deu o passe para Tanque anotar de cabeça o terceiro tento do Sergipe. O volante Ramalho, outro ex-Galo, começou a partida como titular, saindo no intervalo justamente para a entrada de Cajano.
Confira o gol de Mamadeirfa na estreia do seu time no Campeonato Sergipano (a partir de 1min12…

Campeão pelo Galo e atual técnico da Chape, Mancini irá torcer para o.... (leia)

O treinador Vagner Mancini, após a classificação do Paulista para as quartas de final da Copa São Paulo de futebol junior, conversou com o apresentador Adilson Freddo, na Rádio Difusora. Perguntando para quem torcer nas quartas de final, Mancini com bom humor respondeu: "Difícil...."(risos).
Sobre a Copinha, Mancini disse que acompanhou os jogos da Chapinha em Porto Feliz e acompanhou a partida do Verdão contra o Ituano neste sábado, pela televisão. Ele não conseguiu acompanhar o confronto do Galo contra o São Carlos. Sobre a montagem da Chapecoense, o treinador disse que está acertando com o goleiro Rafael Bracali.
Thiago Batista – Esporte Jundiaí / Foto: Thiago Batista

Thiago Batista: PM de Jundiaí precisa respeitar o torcedor da cidade. Precisa!

No último sábado foi muito legal ver o Jayme Cintra com mais de 10mil torcedores presentes acompanhando e empurrando o Tricolor rumo a vitória sobre o São Carlos, pelas oitavas de final da Copa São Paulo. Mas não foi nada legal o tratamento, e principalmente o respeito da Polícia Militar do estado de São Paulo com os torcedores jundiaienses. O que ocorreu neste final de semana não há nenhuma justificativa da PM da cidade.... Nenhuma!!!
Todos sabiam que cerca de 10mil pessoas estariam no estádio, devido aos públicos crescentes a cada rodada. Eu cheguei no estádio 1h30min antes da bola rolar (17h) e já havia uma grande fila na entrada principal, único local de entrada. E os PMs onde estavam?  Em algum lugar deste planeta, menos no bendito portão de entrada já aberto recebendo os torcedores e fazendo aquela revista necessária. E a fila foi aumentando, aumentando, até que por volta das 17h20 resolveram abrir os portões para que todo o povo começasse a se acomodar no estádio.
Só que a rev…

Umberto sobre o Galinho ter 2 tempos distintos: “Não podemos oscilar tanto”

Após a vitória sobre o São Carlos por 1 a 0, o treinador da categoria sub-20 do Paulista, Umberto Louzer comentou que seu time não pode ter dois tempos distintos, como ocorreu na partida deste sábado, pelas oitavas de final da Copa São Paulo de futebol junior. “Foi muito desiquilíbrio, não podemos oscilar tanto numa partida decisiva. “Agora é corrigir os detalhes, para a próxima partida equilibrar todos os setores”, contou o treinador.
Para Umberto, o seu time sabia que não poderia sofrer o primeiro gol, para não deixar a equipe rival com chances ainda de sonhar com a classificação dentro do jogo, caso conseguisse o empate. “A gente baixou nível de concentração, e demos muito campo. Era natural que o rival iria se atirar com 2 a 0 no intervalo. Era natural que eles iriam se atirar em busca do 1º gol para voltar ao jogo, foi o que cobrei eles no intervalo, mas paramos de pressionar o setor da bola, e não tivemos efetividade no ataque, e poderíamos ter pago um preço ainda mais caro. Ma…

Copa SP: Atletas do Galinho ganham folga. Eles irão aproveitar para descansar

O técnico Umberto Louzer, da categoria sub-20 do Paulista, deu folga aos atletas após a vitória do time sobre o São Carlos por 2 a 1, neste sábado, no Jayme Cintra. A reapresentação do grupo está marcada para a próxima segunda-feira, no período da manhã. “Demos folga para os meninos para baixar essa adrenalina. A gente retorna na segunda-feira pela manhã e estudar a Chapecoense, e procurando a melhor formação para jogar com alto-nivel e qualidade para passar de fase”, declarou o treinador.
Com o domingo livre, os jogadores já sabem como aproveitar o tempo: irão literalmente descansar. Molter, autor de um dos gols do Tricolor neste sábado é um bom exemplo: “Vou descansar, tem que descansar, pois terça tem mais. A gente jogou 6 partidas em 12 dias, acaba desgastando, a gente sentiu pouco hoje, descansar para trabalhar para terça-feira estar 100% e melhorar nosso futebol”, declarou.
Para o lateral Zunquinha, a maratona que o time teve nesta semana, com jogos terça, quinta e neste sábad…