20/02/17 - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 20, 2017

Umberto diz sim ao Guarani. Paulista ainda não tem perfil do novo treinador para a A-3

A segunda passagem de Umberto Louzer no Paulista terminou na noite desta segunda-feira. Ele conversou com diretores do clube e disse que aceitou a proposta do Guarani, onde será auxiliar-técnico de Maurício Barbieri na disputa da Série A-2. No Bugre, Umberto não será o treinador da categoria sub-20, pois este já vem sendo comandado por Ângelo Foroni, após substituir Renato Pé Murcho. A confirmação da saída de Umberto foi dado pelo gerente de futebol, Antônio Carlos Nogueira de Sá Jr., o Juninho, por volta das 23h à reportagem do Esporte Jundiaí.
Segundo o gerente, no treinamento desta terça-feira, o comando será do preparador físico Valdir Cláudio Vaz Filho, o Bié. Sobre o novo perfil de treinador, Juninho foi bastante sincero: “Como pegou todos de surpresa , não tenho como responder sobre isso”, disse. Mas, o gerente nesta terça-feira deverá fazer contatos com possíveis postulantes. “A gente anuncia assim que decidir”, comentou.
O Paulista será o segundo clube nesta a Série A-3 a t…

Rogério Dutra Silva cai na 1ª rodada do Rio Open e diz que poderia ter rendido mais

Rogério Dutra Silva, número 88 do mundo, não jogou seu melhor tênis, foi irregular e acabou eliminado na primeira rodada do Rio Open, principal torneio da América do Sul, disputado no saibro do Jockey Club. Ele foi superado pelo norueguês Casper Ruud, 208º colocado e de 18 anos, por 2 sets a 0 com parciais de 6/3 6/4, em 1h25 de jogo.
O brasileiro tomou uma quebra em cada set e foi cometendo erros bobos, principalmente em momentos chave e não conseguiu reagir. No último game viu Ruud errar duas bolas e igualar em 30/30, mas errou duas mais para ser derrotado.
“Eu estava jogando em casa, estava com aquele gostinho de querer dar algo a mais à torcida pra torcida poder me ajudar. Mas foi complicado, eu não me senti confortável em nenhum momento, o jogo estava estranho, ele estava sacando bem, eu não consegui me firmar nos pontos. Só queria passar um pouco na frente para chamar a torcida, mas infelizmente nem isso eu consegui”. “Apesar do resultado eu acho que eu venho jogando bem, venh…

Guilherme Barros: Você merece ser feliz, Umberto Louzer

Umberto Louzer não é mais técnico do Paulista. É a segunda troca de treinador em seis partidas na terceira divisão estadual. O número pouco importa. Mas agora o desafio de manter o Galo na Série A-3, que já era desesperador, para mim já foge da realidade.
Umberto viveu no Paulista um sonho. Foi o comandante do inesquecível janeiro de 2017. Foi do céu ao inferno em uma velocidade jamais vista. Foi traído. Viveu uma frustração que levará, assim como nós jundiaienses, para toda a vida pessoal e profissional.
Aí veio a realidade. Com a tarefa de pegar um time horroroso, colocou em risco todo o nome que construiu mês anterior. Deu a cara a tapa. Mas não houve camisa roxa que resolvesse o problema da incompetência de um time mal montado.
Umberto me disse, passados dois dias do sumiço do gato, que algo maior estava o esperando. Acreditava na fé divina. Coincidência ou não, para ele, hoje ela chegou.
No Guarani o desafio é parecido. Um time que tenta voltar aos trilhos, que já viveu dias mui…

Amador de Jundiaí – Série A: Times mantém formato de disputa dos últimos 9 anos

Em reunião realizada na sede da Liga Jundiaiense de Futebol, na noite desta segunda-feira, os 13 clubes participantes do encontro defenderam a manutenção do formato de disputa dos últimos 9 anos na Série A da Liga Jundiaiense de Futebol para a temporada 2017. Ou seja, os 18 participantes disputam a primeira fase em turno único, com os oito melhores se classificando aos playoffs, que serão disputados sempre em melhor de duas partidas. Os quatro piores clubes serão rebaixados a Série B. A Liga estava propensa a dividir a primeira fase, em dois grupos, ideia rechaçada pela entidade. Poucos detalhes a mais foram discutidos na reunião, que teve mais gritos do que discussões propriamente ditas.
“A reunião aqui foi um retrocesso”. Tínhamos que mudar (formato de disputa). Campeonato é muito longo”, resumiu o presidente da Liga, Serginho Aguiar.  A proposta da redução do Amador, segundo a entidade é também um desejo da Prefeitura, que não poderá bancar integralmente a verba do ano passado na…

Amador de Jundiaí – Série B: Torneio terá 36 equipes e mesmo formato de 2016

A Liga Jundiaiense de Futebol promoveu nesta segunda-feira uma reunião com os clubes participantes da Série B do Campeonato Amador. A competição terá 36 clubes, que repetirá a mesma estrutura no formato de disputa da temporada passada. Na 1ª fase, serão 4 grupos de 9 equipes, com os times jogando dentro da chave em turno único, e os quatro primeiros de cada chave avançando. Na 2ª fase, os 16 classificados seriam divididos em 2 grupos de 8 times, jogando em turno único, no grupo, e os quatro primeiros de cada chave avançam ao octogonal final. Na última fase, os oito times se enfrentam em turno único, com os quatro primeiros garantido o acesso.
Os clubes devem entregar a ficha de inscrição do torneio até 10 de março. Caso um time abandone o torneio, ele terá todos os seus jogos desconsiderado por w.o., mesmo aqueles que já foram realizados. Uma nova reunião para definição de detalhes do regulamento foi marcada para o dia 14 de março. Neste dia também deve ocorrer o sorteio ou o anunci…

Amador de Jundiaí – Série A: Sport Sorocabana pede licença e Catorze “retorna”

O Sport Sorocabana pediu licença do Campeonato Amador de Jundiaí na última semana. Com o abandono, a Série A jundiaiense teria apenas 17 clubes. Para a competição ficar com número par, um clube rebaixado no ano passado retornou. É o Catorze de Dezembro, que ficou na 17ª colocação entre os 18 times da Série A no ano passado. O Águia Negra, 15º já havia sido inicialmente convidado a disputar a Série A, devido a desistência do Nove de Julho.
A ordem natural seria o retorno do Juventude do Varjão, 16º colocado no ano passado. Mas o clube também pediu licença e assim o Catorze foi convidado a retornar a Série A, mesmo tendo sido rebaixado no ano anterior. A decisão da Liga desagradou alguns clubes que participaram da reunião.
Dico, presidente do Cruzeiro da Vila Maringá, questionou Serginho Aguiar, presidente da Liga, porque foi chamado clubes rebaixados de volta para disputar o Amador. Serginho respondeu: “Para mim é melhor o 15º colocado da 1ª divisão do que o 5º colocado da 2ª divisão”…

Fabão está reintegrado ao time profissional do Paulista e já treina com o grupo

O zagueiro Fabão, que não atuou contra a Matonense, no último sábado, devido a um desentendimento com um dirigente do Paulista, está reintegrado ao elenco profissional e poderá atuar com a camisa do Galo no restante da Série A-3 do Paulistão. O defensor que estava também lesionado, deverá atuar na Quarta-Feira de Cinzas, dia 1º de março, em Americana, contra o Rio Branco.
Fabão não jogou por motivos de ter um desentendimento com o gerente de futebol, Antônio Carlos Nogueira de Sá Junior, o Juninho, e ficou de fora do confronto do último final de semana. Mas as arestas foram acertas entre ambos e o zagueiro participou do treinamento do time profissional nesta segunda-feira.
Thiago Batista – Esporte Jundiaí; foto: Thiago Batista

Bugre diz que Umberto será auxiliar. Mas ele ainda não definiu se deixará o Galo

O Guarani em seu site oficial informa que Umberto Louzer será o auxiliar-técnico do time na Série A-2 do Campeonato Estadual, que será comandado por Maurício Barbieri. Mas para a diretoria do Paulista ele continuará como comandante do time na Série A-3. O ainda treinador do Tricolor vai definir seu futuro em uma reunião no clube na noite desta segunda-feira, mas a sua saída pode realmente ocorrer. Umberto comandou o treinamento do Paulista no período da tarde e participou de uma reunião onde diretoria cobrou os jogadores, devido a campanha ruim do Galo na A-3.
“Que eu saiba ele (Umberto) não está de saída. Ele não falou nada na reunião que tivemos agora entre diretoria, jogadores e comissão técnica, que começou às 15h e terminou agora há pouco. Ele estava lá e não disse nada. Ele nem tocou no assunto. Umberto é um patrimônio do clube”, disse Pepe Verdugo, presidente do Paulista, em conversa com a reportagem do Esporte Jundiaí, por volta das 17h25.  Pepe disse que a reunião ocorreu, c…

Bola oval: Time de desenvolvimento de Jundiaí participa de torneio em Mogi

A equipe de desenvolvimento do futebol americano de Jundiaí participou no último final de semana do Campeonato Super 8, que ocorreu em Mogi das Cruzes. A competição foi no modo full pad do futebol americano, só que com 8 jogadores de cada lado, e não 11, como é o tradicional. Atuando com o nome de Real Blue Football Jundiaí, a equipe jundiaiense perdeu os três jogos que disputou ficando com a 4ª colocação geral.
O time de desenvolvimento de Jundiaí perdeu para o São José Jets por 30 a 6, do Guaratinguetá White Cannes por 15 a 6, e do Mogi Desbravadores por 36 a 8. A equipe jundiaiense teve como objetivo na competição de dar ritmo aos atletas, e que durante a temporada deverá participar de outros torneios.

Thiago Batista – Esporte Jundiaí; foto: Facebook do Mogi Desbravadores

Peneirão de vôlei vai definir quais categorias Jundiaí disputará nesta temporada

Nesta terça-feira ocorre o peneirão de voleibol para nascidos entre 1997 e 2005, em Jundiaí para a categoria feminina. O evento será no Bolão, entre 14h30 e 19h, sendo que na quinta-feira no mesmo horário e local ocorre a peneira masculina. O coordenador da modalidade em ambos os naipes, Carlos Calabresi, disse que as seletivas irão definir quais categorias Jundiaí participa na temporada.
A equipe de competição feminina vai participar, neste ano dos torneios da Liga Regional de Voleibol, enquanto o time masculino participa das competições do Torneio Pré-Olímpico.  As comissões técnicas já estão definidas. No masculino, Carlos comanda as equipes pré-mirim e mirim, enquanto Marcelo Henrique Pimentel as demais. No feminino, Moacir Regra será o treinador do iniciante e do infantil, enquanto Ademir Zamboni as outras que a modalidade for disputar.
Os interessados em participar da seletiva devem preencher a ficha de inscrição no local e não é necessário ter experiência na modalidade para p…

Jundiaiense Lucas Sousa fica na 2ª fase do quali do Mundial de slackline

O jundiaiense Lucas Sousa esteve participando no final de semana do Campeonato Mundial de slackline, que ocorreu no Chile, onde foi eliminado na 2ª fase do torneio qualificatório, ficando por muito pouco de ganhar vaga na fase final – chamada de World Class.
“Passei no qualificatório do open, mas fui para 2ª fase do quali, e acabei ficando de fora da fase final – chamada World Class. Evolui muitas coisas, aprendi muitas coisas, e estou levando currículo grande para minha carreira e para o Brasil e com convites da Confederação de participar de outros torneios e também narrar”, contou o atleta, que no meio da semana foi vice-campeão do Sunnyline – Campeonato Nacional do Chile, na categoria expert.
Thiago Batista – Esporte Jundiaí; foto: Divulgação

Ex-Galo: Rychely e Tony deixaram suas marcas nos Estaduais no fim de semana

A rodada do último final de semana dos Campeonatos Estaduais teve dois ex-atacantes do Paulista balançado as redes adversárias, Na Série A-2 do Paulistão, Rychelly (passou pelo Tricolor em 2012), iniciou o comando da virada do Taubaté sobre o Capivariano, fora de casa, por 2 a 1. O resultado levou o Burro da Central para o 8º lugar com 9 pontos. No Campeonato Potiguar, o atacante Tony (atuou em Jundiaí entre 2014 e 2016) marcou o segundo gol da vitória do América de Natal sobre o ASSU por 4 a 1, pela última rodada do 1º turno – mesmo com o êxito, o time americano ficou de fora da decisão da Copa Cidade de Natal.  

Thiago Batista – Esporte Jundiaí; foto: Facebook do Esporte Clube Taubaté - Bruno Castilho

Thiago Batista: Porque os clubes do interior de São Paulo não peitam a FPF?

O final de semana do futebol brasileiro ficou marcado pelo que ocorreu no Atletiba, o principal clássico do futebol paranaense. A bola simplesmente não rolou em Curitiba, porque a Federação Paranaense de Futebol (cuja sigila é FPF) não deixou sob a alegação que profissionais de imprensa não estavam credenciados e “eram corpos estranhos” ao jogo. Os jornalistas eram da transmissão conjunta dos dois times no Youtube, o que a Federação não gostou nem um pouco, já que ambos os clubes  Na verdade, a não assinaram contrato de suas partidas serem transmitidas pela televisão. O que ocorreu na capital paranaense poderia ser seguido pelos clubes do interior de São Paulo em relação a Federação Paulista de Futebol (que a sigla é.... FPF). Não apenas nas questões de direitos de transmissão, mas pontos mais importantes a serem discutidos no futebol paulista.
Um exemplo: porque as Séries A-2 e A-3 do Estadual precisam necessariamente ter 16 clubes, com a Federação deseja? Qual é o problema a Segund…

Guilherme Barros e o protesto da Raça Tricolor no último sábado no Jayme

Só para reforçar, quem me conhece um mínimo sabe que eu odeio movimento organizado. Seja ele religioso, político ou esportivo.
Tanto que sempre fui contra a ideologia das torcidas. Sempre as critiquei, embora no universo do futebol entenda seu propósito. Tenho bons amigos dentro delas, que respeitam minha opinião. Uma rara exceção à regra.
Mas, hoje, aquela faixa de "luto", somada ao protesto no estádio Jayme Cintra, em mais uma calamitosa derrota do Paulista, não me fez repensar o conceito. Mas a Raça Tricolor merece sim o meu pedido de desculpas.
Pedir a saída da diretoria é a última das tentativas de salvar o Galo de fechar suas portas. Abrir o clube a novas ideias, resgatar a imagem e o respeito.
Eu não conheço o Alberto, o Juninho, o Sá, pessoalmente. Mas, como dirigentes, tomara que sejam ótimas pessoas. Porque como cartolas não vingaram. É triste a realidade.
Diretoria, é mais bonito expor a realidade do que acreditar num sonho impossível. Pelos ilustres torcedore…