#4ªDivisão - Nos últimos 10 anos, apenas uma vez um clube no 1º ano após a queda chegou à final - Esporte Jundiaí

05/04/2018

#4ªDivisão - Nos últimos 10 anos, apenas uma vez um clube no 1º ano após a queda chegou à final



Nos últimos dez anos, apenas uma vez um clube no seu 1º ano após a queda para a 4ª divisão do Campeonato Paulista chegou a decisão da competição. O único caso registrado foi do São Carlos, em 2015. O time caiu em 2014 da 3ª para 4ª divisão do Campeonato Estadual, mas em 2015 fez uma grande campanha para conquistar o título do 4º nível do futebol paulista. E este terá que ser o exemplo a ser seguido pelo Paulista, que pela primeira vez na sua história disputa a competição - a estreia será no próximo domingo, às 10h da manhã, contra o Amparo. Em 2018, apenas os finalistas da competição - ou seja, 2 vagas, conquistam a promoção de disputar a 3ª divisão do Campeonato Paulista, em 2019.

Acessos
Entre 2008 e 2015, os quatro melhores times da 4ª divisão conquistavam o acesso no ano seguinte para 3ª divisão de São Paulo. Mesmo com quatro vagas, poucos clubes no primeiro ano após o rebaixamento a 4ª divisão conseguiram a promoção e assim sair da divisão do inferno. Nos últimos dez anos, além do São Carlos em 2015, fizeram o chamado bate-bola a Inter de Limeira em 2010, o Barretos em 2014, e o Noroeste em 2015.

Rebaixados em 2017 da 3ª divisão para disputar a 4ª divisão em 2018
Além do Paulista, sofreram o duro golpe da queda para a 4ª divisão em 2018 o Comercial de Ribeirão Preto, Joseense, Flamengo de Guarulhos, Indepedendente de Limeira e Grêmio Catanduvense. E deste grupo, no máximo apenas dois poderão subir, já que em 2018 a Federação manteve apenas o acesso aos finalistas da 4ª divisão.

A história nos últimos dez anos
Rebaixados em 2008 da 3ª para a 4ª divisão de 2009 do Estadual: Taubaté, SEV-Hortolândia, Independente e Santacruzense
Melhor dos rebaixados de 2008 na 4ª divisão de 2009: Santacruzense - 6º colocado

Rebaixados em 2009 da 3ª para a 4ª divisão de 2010 do Estadual: Oeste Paulista, Inter de Limeira, Nacional e União Futebol Clube
Melhor dos rebaixados de 2009 na 4ª divisão de 2010: Inter de Limeira - 4º colocado (na época conquistou o acesso)

Rebaixados em 2010 da 3ª para a 4ª divisão de 2011 do Estadual: Força, Portuguesa Santista, Olímpia e Bandeirante de Birigui
Melhor dos rebaixados de 2010 na 4ª divisão de 2011: Portuguesa Santista - 5º colocado

Rebaixados em 2011 da 3ª para a 4ª divisão de 2012 do Estadual: Taquaritinga, Lemense, Paulínia e Sport Barueri
Melhor dos rebaixados de 2011 na 4ª divisão de 2012: Sport Barueri - 8º colocado

Rebaixados em 2012 da 3ª para a 4ª divisão de 2013 do Estadual: Inter de Bebedouro, XV Jaú, Osvaldo Cruz e Taboão da Serra
Melhor dos rebaixados de 2012 na 4ª divisão de 2013: Inter de Bebedouro - 6º colocado

Rebaixados em 2013 da 3ª para a 4ª divisão de 2014 do Estadual: São Vicente, Palmeiras B, Barretos e União São João
Melhor dos rebaixados de 2013 na 4ª divisão de 2014: Barretos - 3º colocado (na época conquistou o acesso)

Rebaixados em 2014 da 3ª para a 4ª divisão de 2015 do Estadual: São Carlos, América de Rio Preto, Noroeste e Guaçuano.
Melhor dos rebaixados de 2014 na 4ª divisão de 2015: São Carlos - campeão e conquistou o acesso
No mesmo ano, o Noroeste terminou em 3º lugar e na época conquistou o acesso

Rebaixados em 2015 da 3ª para a 4ª divisão de 2016 do Estadual: Cotia, Tupã, Santacruzense e Francana.
Melhor dos rebaixados de 2015 na 4ª divisão de 2016: Santacruzense - 8º colocado

Rebaixados em 2016 da 3ª para a 4ª divisão de 2017 do Estadual: São José, Itapirense, Guaratinguetá, Primavera, Fernandópolis e Grêmio Barueri
Melhor dos rebaixados de 2016 na 4ª divisão de 2017: São José - 8º colocado