#ExPaulista – Como ocorreu em Jundiaí... Fernando Diniz é demitido do Atlético-PR - Esporte Jundiaí Esporte Jundiaí: #ExPaulista – Como ocorreu em Jundiaí... Fernando Diniz é demitido do Atlético-PR

25/06/2018

#ExPaulista – Como ocorreu em Jundiaí... Fernando Diniz é demitido do Atlético-PR



Segundo o site Tribuna do Paraná, Fernando Diniz não é mais o técnico do Atlético Paranaense. A demissão foi definida nesta segunda-feira, após um longo período de pressão interna, mas que só se consumou com a conversa entre o agora ex-treinador e o presidente do Conselho Deliberativo, Mário Celso Petraglia. A demissão dele tem contornos do que ocorreu em 2011, no Paulista. Os resultados em campo não ajudavam (apesar do título da Copa Paulista de 2010, mas a equipe não começou bem no Paulistão) e havia uma pressão de conselheiros do clube pela demissão do então treinador, que somente ocorreu após discussão pública com um repórter, após um 0 a 0 com o Noroeste de Bauru.

A queda de Diniz
A queda do treinador começou a ser construída após a derrota por 2 a 0 para o Botafogo, última partida antes da parada para a Copa do Mundo. Esse revés ficou quase insustentável a permanência de Diniz, mesmo com o presidente do Conselho Deliberativo do Rubro-Negro, Mario Celso Petraglia, bancando o técnico diversas vezes, falando que até mesmo um rebaixamento não seria o suficiente para fazê-lo mudar de ideia – mandou mensagem ao jornalista Juca Kfouri, da Espn, que Fernando Diniz ficaria no clube até o fim do Brasileirão.

Em 21 jogos no comando, Fernando Diniz teve um pífio rendimento de quatro vitórias, oito empates e nove derrotas, totalizando um aproveitamento de apenas 34,9% dos pontos disputados. Mesmo tendo praticamente três meses de pré-temporada, o Furacão não se sobressaía em campo. Começou bem, com vitórias convincentes sobre Newell’s Old Boys, da Argentina, e Chapecoense. Mas não conseguiu ganhar uma vez sequer fora de casa e emendou uma sequência que só foi piorando.

Os próprios jogadores, apesar de sempre manifestarem apoio ao técnico, já não tinham mais confiança no trabalho, que era focado mais na troca de passes.

Fernando Diniz em Jundiaí
32 jogos
15 vitórias
9 empates
8 derrotas
56% de aproveitamento

Foto: Miguel Locatelli/Site Oficial do Clube Atlético Paranaense