#Futebol – Série A de Jundiaí: Liga Jundiaiense aplica multas a três clubes - Esporte Jundiaí

07/08/2018

#Futebol – Série A de Jundiaí: Liga Jundiaiense aplica multas a três clubes



A Liga Jundiaiense de Futebol soltou um comunicado na tarde desta terça-feira, onde anunciou a punição para três clubes, no valor de multa, em virtude de transtornos que ocorreram nos centros esportivos em jogos no Campeonato Amador. Segundo a entidade, a Ponte Preta da Agapeama, por conta de rojões estourados por seus torcedores foi multada em R$ 200. O Meias Aço, em virtude de incidentes provocados por seus torcedores foi multada no mesmo valor. O Real Doze por comportamento inadequado dentro dos centros esportivos dos seus dirigentes foi multada também em R$ 200.

O Real Doze ainda pode sofrer uma sensação maior nesta quarta-feira, já que dirigentes do clube, devem comparecer às 10h da manhã desta quarta-feira, na sede da Liga Jundiaiense, para explicações, sob pena de sanções previstas em regulamento serem aplicadas – o clube pode ser até excluído da competição. A Liga Jundiaiense defende a posição que o clube afaste o presidente e treinador Leonardo Nascimento.

O comunicado da Liga Jundiaiense de Futebol
Apesar dos reiterados pedidos e reuniões feitas continua havendo desrespeito em relação à conduta dentro dos centros esportivos, e sendo de responsabilidade desta entidade o uso destes. Fica estabelecido o seguinte: fica multada   Ponte Preta da Agapeama, fica multada a agremiação M.A.C (Meias Aço) do Jardim Sorocabana, fica multada a agremiação Real 12 do Terra da uva em 200 reais cada um por comportamento inadequado dentro dos centros esportivos, e lembrando que a reincidência será aplicada o valor em dobro e a suspensão da agremiação do campeonato.

Fica convocado a comparecer a sede desta entidade amanhã (quarta-feira) as 10 horas a diretoria do Real 12 para tratar de assunto de seu interesse, o não comparecimento implicará em sanções previstas em regulamento.

A palavra dos clubes
André Souza – presidente do Meias Aço
“Vamos fazer uma reunião sobre o assunto”

Duda – presidente da Ponte Preta
“Vamos falar com o Serginho primeiro, e depois saber o que faremos. Notificação para gente até agora não chegou. Mas a gente da Ponte acredita que os clubes não podem pagar pelos atos da torcida. Você não consegue controlar tudo, correr atrás de jogadores, atrás de dinheiro e etc”



Leonardo Nascimento – presidente do Real Doze
Não podia atender o Esporte Jundiaí às 19h15, por estar em compromisso, mas pretende responder sobre as questões ainda nesta terça-feira - Assim que responder a matéria será atualizada neste mesmo espaço