#Intercambio - Treinamento e integração são focos de encontro no Bolão - Esporte Jundiaí

10/09/2018

#Intercambio - Treinamento e integração são focos de encontro no Bolão



Os 100 atletas de todo o País que representarão o Brasil nos Jogos Mundiais de Verão, em Abu Dhabi, em março de 2019, estiveram reunidos em Jundiaí para o treinamento e integração da delegação. Atividades são realizadas no centro esportivo Nicolino de Luca, que abriga o ginásio Bolão, com o objetivo de reduzir a ansiedade entre os participantes, que em sua maior parte, nunca tiveram a oportunidade de competir fora das terras brasileiras.

Rhonan Louro Rodrigues é coordenador de eventos do Peama e irá participar pela primeira vez dos Jogos Mundiais de Verão como técnico de tênis. “A delegação conta com 80% de integrantes que não participaram de edições anteriores. Isso gera uma ansiedade natural entre os participantes. É necessário trabalhar o assunto, explicar a cultura e as peculiaridades do país, para que os atletas tenham tranquilidade. O encontro com todos os participante favorece a interação e união do grupo, que estará junto em março do próximo ano”, comenta.

Ana Paula Loro é atleta do Peama tem experiência internacional. “Participei na edição dos Estados Unidos. Eu gostei muito. É importante porque me ajudou a ser mais controlada com horário, a ter responsabilidade com os compromissos”, contou a atleta, que participará da competição na modalidade tênis, simples e duplo.

De Jundiaí, 13 pessoas representarão o Brasil no segundo maior evento esportivo do mundo. De acordo com diretora nacional de esporte da Special Olympics e coordenadora de tênis do Peama em Jundiaí, Tereza Leitão, a iniciativa é importante para a interação entre o grupo. “Esse encontro é realizado em todos os eventos dos Jogos Mundiais, para a interação entre os atletas e técnicos das modalidades. Temos técnicos de um estado que atuarão com atletas de outras localidades. Esse encontro é produtivo para que os responsáveis façam as análises e direcionamentos além de fortalecer o grupo”, comenta.

Do Rio de Janeiro, o técnico de futsal Tiago Siqueira Rangel aponta a relevância dos Jogos Mundiais. “Os atletas terão a oportunidade de conhecer outra cultura e competir com representantes de todo o mundo”, comentou. Para o treinamento do grupo, a equipe, formada por jogadores mineiros e cariocas, participou de amistoso contra o time do projeto Vinha de Luz, desenvolvido no Jardim São Camilo, pelo coordenador João Paulo Medina.

A organização dos Jogos Mundiais de Verão é feita pela Special Olympics Internacional e estima a participação de mais de 7 mil atletas de 170 países, apresentando modalidades esportivas como atletismo, natação, basquete, judô e outros.