Header AD

19 de outubro de 2018

Jogos Infantis: Mãe leva filha para ver todos os jogos do irmão no vôlei



Amanda Viggiano, tem 24 anos. Ela sofre com a paralisia cerebral. Tem que andar de cadeiras de rodas sempre acompanhado por alguém da família. Mas nada tira o amor dela de ver o irmão Ricardo jogar. Ainda mais nos Jogos Infantis do estado de São Paulo. Ela não perdeu um jogo até agora. Sempre acompanha as partidas ao lado da mãe, Cátia. E ambas sempre, ao lado do pai, vibram a cada ponto de Jundiaí. E se emocionam com cada vitória. Um esforço que vale a pena.


“Ela presta bastante atenção. Ela veio em todos jogos, inclusive no Dal Santo. E também esteve presente na abertura”, disse Catia. A mãe tem que sempre falar a Amanda o andamento do placar do jogo, pelas dificuldades.


E para ver o irmão nos Jogos Infantis, Amanda faz alguns sacrifícios, como faltar a escola nesta semana. “Faz parte da convivência dela. Ela acompanha o irmão desde começou a jogar vôlei”.


Amanda fez parte já do programa do PEAMA - Programa de Esportes e Atividades Motoras Adaptadas, no qual Cátia deseja incluir ela novamente no ano que vem.


E nesta semana Amanda está vendo seu irmão com um cabelo diferente - tom loiro mais claro. E que foi aprovado pela mãe neste momento. “Gostei do cabelo. Mas não quero que fique assim. Achei legal, diferente, mas apenas agora”.


Quem também acompanhar o seu filho nos jogos de vôlei nos Jogos Infantis, é a mãe do capitão do time masculino. Luciana Ormeneze acompanha as partidas ao lado da família de Amanda e Ricardo. E para ela é um prazer assistir os jogos ao lado deles. “Ela é um xodó para todo mundo. Desde o começo e a gente se sente uma família”.

“Meu filho está desde os 8 anos no vôlei e subimos sempre juntos. Nós temos um grupo de pais, fizemos os uniformes, festa da Primavera, somos bem unidos”, complementa.


Luciana, que se intitula a titia do vôlei, achou legal o novo visual que os atletas da equipe de Marcelo Henrique Pimentel adotaram para os Jogos. “Achei o máximo esse cabelo. Vale pela curtição. É a vontade dele. Ano passado nos Regionais, ficaram todos carecas”, lembrou.

Luciana, Amanda e Cátia estarão presentes nesta sexta-feira, quando o vôlei masculino de Jundiaí encara Campinas, pelas semifinais. Os atletas jundiaiense irão lutar pela medalha de ouro. Mas para as famílias do vôlei masculino de Jundiaí, seus pupilos já ganharam a medalha de campeão.
Jogos Infantis: Mãe leva filha para ver todos os jogos do irmão no vôlei Jogos Infantis: Mãe leva filha para ver todos os jogos do irmão no vôlei Reviewed by Thiago Batista on 07:05 Rating: 5