Header AD

16 de outubro de 2018

Jogos Infantis: Os cabeças coloridas do vôlei jundiaiense



O grupo de atletas comandado por Marcelo Henrique Pimentel resolveu inovar nesta segunda-feira. Alguns jogadores do vôlei masculino de Jundiaí resolveram descolorir seus cabelos para enfrentar Ibaté - e venceu por 2 sets a 0. A ação visa mostrar a união de todo o time. Os líderes do time dizem que nesta terça-feira todos estarão com suas cabeleireiras descoloridas.


“Foi para mostrar a união da equipe. Mas a gente acabou se precipitando um pouco, pois essa ação era para ser após a gente confirmar a classificação, para comemorar a nossa vaga na segunda fase”, disse o levantador Matheus Prado, um dos quatro atletas com cabelo de cor verde - que era para sair azul - os outros eram Henrique, Gabriel e Marcos.


“Eram para todos pintar de rosa, mas depois resolveu um grupo pintar de azul, outro de rosa, outro prateado, outro colorido”, contou Matheus Homem, camisa 11 de Jundiaí, um dos três que estavam com um tom loiro muito clarinho - os outros eram Léo e Ricardo.


 “Eu espero aparecer nesta terça com cabelo rosa”, completou Prado. “Pintamos nosso cabelo para mostrar a união, que ninguém é superior a ninguém, lembrou Homem.


E o cabelo inovado justamente no dia do professor, faria os alunos de Marcelo Pimentel serem reprovados. “Eu daria um 1,5 como nota pela cor do cabelo deles. Pelo jogo nota 7”, disse o comandante.


Mas Marcelo está focando em levar esse time longe. Após o jogo ele parabenizou seus atletas pela vaga, mas deseja que eles possam ir o mais longe. “Estamos entre os oito melhores do estado. Mas agora quero que vocês se reúnam para decidir se está bom o 8º lugar ou desejam subir mais alguns degraus nesta escada”, disse ele aos seus atletas.
Jogos Infantis: Os cabeças coloridas do vôlei jundiaiense Jogos Infantis: Os cabeças coloridas do vôlei jundiaiense Reviewed by Thiago Batista on outubro 16, 2018 Rating: 5