Header AD

2 de março de 2019

10 anos depois, IFAB “copia” ideia já aplicada em Jundiaí



A International Footbal Association Board (IFAB) realizou algumas mudanças nas regras do futebol, que devem ser aplicadas a partir do 2º semestre de 2019. Entre elas o mau comportamento dos membros da comissão técnica passa a poder resultar em cartões amarelos e vermelhos. Mas há 10 anos atrás, Jundiaí já tinha “inovado” a ideia na sua Série A.

Nas semifinais de 2009, no confronto Palmeiras do Medeiros e Grêmio Marlene, o treinador palmeirense, Marcão, foi expulso. E com mostra de cartão, conforme as imagens da TVE Jundiaí, naquele jogo.


A IFAB fez também outras alterações nas regras:
- Gol com toque na mão tem que ser sempre invalidado, mesmo acidental

- Bola não precisa mais sair da área em tiro de meta (para times que batem curto, ajudará)

- Não será mais possível que jogador do time que ataca interfira na barreira (deve acabar com a "barreira de atacantes") em uma falta

- Goleiro só precisará ter um pé em cima da linha nos pênaltis (mini-adiantamento agora é legal)

- Não haverá mais cera tolerada em substituição: o jogador deve sair pelo lado do campo mais próximo de si, nada de caminhar o gramado inteiro para cumprimentar o colega que entra

- Haverá mudanças no procedimento de "bola ao chão", e em algumas situações o jogo será parado quando a bola estiver em jogo e tocar no árbitro.
10 anos depois, IFAB “copia” ideia já aplicada em Jundiaí 10 anos depois, IFAB “copia” ideia já aplicada em Jundiaí Reviewed by Thiago Batista on março 02, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário

Apenas usuários cadastrados no Google, com nome de identificação clara terão comentários permitidos. Reservamos o direito de não publicar o comentário, caso ele seja ofensivo ou desrespeitoso.