Em “clima familiar”, Juventus vence Corinthians, no Jayme Cintra, pela Copa Paulista - Esporte Jundiaí Pular para o conteúdo principal

Em “clima familiar”, Juventus vence Corinthians, no Jayme Cintra, pela Copa Paulista


Com uma equipe com jovens até 23 anos, os atletas que vestem a camisa do Corinthians não parecem estar dispostos a jogar um Campeonato Brasileiro ou Copa Sul-Americana. Apresentando um futebol fraco, o “time B” do Timão, atuou como mandante no Jayme Cintra, nesta terça-feira e perdeu do Juventus por 1 a 0, em confronto válido pela primeira fase da Copa Paulista.

A partida não parecia um clima de jogo oficial do Corinthians. Não teve a presença das torcidas organizadas do clube – que não vem comparecendo em jogos do torneio. Apesar do público de 200 pessoas no estádio, era possível se ouvir a conversa dos atletas no campo. O clima do jogo parecida bastante familiar, lembrando jogos do Estadual sub-20.

Com o resultado, o Juventus mantém se na liderança do grupo 3 com 15 pontos, e próximo da classificação; enquanto o Corinthians está em quinto (penúltimo) lugar com apenas quatro pontos e cada vez com menos chances de avançar a segunda fase.

Primeiro tempo ruim
Um primeiro tempo fraco, especialmente do Corinthians, que quase não ameaçou o gol de Rafael. O Juventus mostrou eficiência logo no primeiro ataque. Com 2 minutos, Potiguar recebeu na marca do pênalti e acertou um chute, sem chance de defesa ao goleiro rival. Juventus, 1 a 0. O time juventino sempre procurou atacar rápido, quando tinha a bola, mas errava a mira, na parte final da jogada.

Segundo tempo profissional
O jogo continuou fraco, mas aos 15 minutos o Corinthians teve a melhor chance para empatar. O Timão teve um penal marcado, em chute de Hugo Borges, que Alê desviou com a mão. Próprio Hugo cobrou, e mandou para fora. O restante da etapa final foi um sono só.

CORINTHIANS 0 x 1 JUVENTUS

CORINTHIANS
Técnico: Edson Leivinha (1-4-2-2)

Filipe

Renan Brainer
Igor Morais
Jordan
Lucas (> Rodrigo)

Altair
Márcio Ferrari
Rodrigo Figueiredo
Gabriel Silva (> Reifit)

Jorge Colman (> Hugo Borges)
Yuri

JUVENTUS
Técnico: Alex Alves (1-4-4-2)

Rafael

Tiaguinho
Robson
Diego Sacoman
Paulo Henrique

Alê
Gabriel
Potiguar (> Mandacaru)

Roger (> Dener)
Ortigoza
Gil (> Douglas)

Gols
Potiguar, 2min (0-1)

Árbitro: Rafael Félix
estádio Jayme Cintra - Publico: 223 pagantes - Renda: R$ 2.670






Matérias mais populares da semana

1º jogo da final do Amador de Jundiaí será no Jayme Cintra

A decisão da Série A do Campeonato Amador será no estádio Jayme Cintra. O primeiro jogo entre Ponte Preta e Estrela será no domingo (10), às 9h da manhã. A série em melhor de dois jogos terá sua finalização no dia 24 de novembro, ainda com local a ser definido.  A confirmação foi parte da Liga Jundiaiense a reportagem do Jornal de Jundiaí, na tarde desta quinta-feira (7). O presidente do Paulista, Rogério Levada, também confirmou. A entrada para o jogo será gratuita.  Nesta década, nenhuma partida da decisão do Campeonato Amador ocorreu na ‘casa do Galo’. Todos os dois jogos da decisão, desde 2011, foram no Dal Santo, conhecida como a ‘casa do Amador’.

Entulho no Dal Santo adia decisão da Série B do Amador de Jundiaí

O acumulo de entulho no entorno do campo do centro esportivo Francisco Dal Santo fez por adiar a primeira partida da decisão da Série B do Amador de Jundiaí entre Império Vila Ana e Vila Comercial. O anuncio do adiamento foi realizado na noite de sexta-feira.

Obras estão sendo realizadas no centro esportivo da Vila Rami, e o material que está no local pode ser usado como ‘arma’ caso ocorra algum tipo de distúrbio ou confusão no local. O Esporte Jundiaí constatou a sujeira na manhã de sexta-feira (8), conforme as fotos. O jogo será no domingo (10), às 13h. A Liga ainda não divulgou a nova data da primeira partida.






Foto: Thiago Batista

Série A - Jundiaí: Ingro faz dois e Ponte larga na frente na decisão

A Ponte Preta da Agapeama venceu o Estrela por 2 a 1 no primeiro jogo da decisão da Série A do Campeonato Amador, neste domingo (10), no estádio Jayme Cintra. O destaque da partida foi Ingro autor de dois gols para a Macaca.
O brilho do atacante começou aparecer aos 8 minutos de jogo, quando fez o 1º gol da decisão. Aos 35 minutos, o Estrela empatou com gol de pênalti anotado por Bruninho. Mas quatro minutos depois, Ingro novamente apareceu, e marcou o segundo da Ponte. No segundo tempo, os dois times buscaram o gol, mas as defesas foram mais eficientes.
A decisão está recheada de ex-jogadores do Paulista. Pelo lado da equipe da Agapeama, além de Ingro, participaram Fábio Gomes, Mamadeira e Branquinho. No time da Ponte São João tem Marcelo Vilela, Marcinho e Fábio Vidal.
A segunda partida da decisão será no dia 24 (dia 17 não haverá rodada, em virtude do feriado prolongado). O local da finalíssima ainda não foi definido pela Liga Jundiaiense de Futebol. A Ponte pode até perder por um go…

Galinho goleia e termina invicto a 1ª fase da Copa Ouro sub-19

O Paulista não tomou conhecimento do Independente de Limeira e venceu por 8 a 0, nesta sexta-feira (8), pela última rodada da fase de classificação. Com o resultado, o Galinho terminou em primeiro lugar da chave.

Renan, Bahia, Rafinha e Guilherme (de pênalti) marcaram os gols do Galinho no primeiro tempo. Miguel, Diego, Tubarão e Kaio Bala completaram a goleada.

O adversário do Tricolor na próxima fase será definido apos o final de semana, quando se encerram todos os jogos da última rodada.

Basquete masculino sub-19 do Jundiaí perde série de playoffs

O basquete masculino sub-19 do Time Jundiaí perdeu para o Sesi de Franca por 91 a 53, na noite desta quarta-feira (6), fora de casa, e perdeu a série de quartas de final do Estadual por dois a zero. Com o resultado, a equipe jundiaiense terá que disputar a Série Prata, junto com outras três equipes perdedoras dos playoffs.
O Time Jundiaí perdeu todos os quartos da partida: 18-15, 22-12, 25-13 e 26-13. A equipe jundiaiense não teve um grande aproveitamento nos arremessos de quadra: acertou 17 de 64. Nos três pontos o aproveitamento foi abaixo da média: apenas 17% (4 de 13). Franca nos 3 pontos acertou 9 tentativas das 28 que teve (32%).
Pela equipe jundiaiense, Guilherme Almeida foi o atleta que mais pontos marcou: 17, seguido por Victor Duarte com 13. Guilherme ainda foi o reboteiro de Jundiaí no jogo, com oito no total. Também liderou a equipe nas assistências, com 3 no total.
Foto: Time Jundiaí