A ala/pivô Damiris Amaral, ex-atleta do basquete jundiaiense terminou como cestinha da seleção brasileira na disputa do Pré-Olímpico das Américas, que ocorreu no final de semana na Argentina. O Brasil venceu dois jogos (61 a 33 na Colômbia, 77 a 55 na Argentina) e perdeu um (76 a 61 para o EUA), no qualificatório que ocorreu em Bahia Blanca, na Argentina. Com o resultado, as brasileiras se classificaram para o Pré-Olímpico Mundial, em fevereiro.

Damiris nas três partidas terminou com média de 15,7 pontos, jogando 26 minutos na média. Ela mostrou bom desempenho nos rebotes: 8,3 em média.

A jundiaiense Tainá Paixão esteve presente no Pré-Olímpico continental e jogou em média 19 minutos, com 8 pontos de média, com três assistência em média por partida.

Outras três ex-atletas do basquete jundiaiense estiveram presentes com a seleção: Mari Dias (8 minutos em média e 0,7 pontos por confronto), Isabela Ramona (17 minutos de média e 4 pontos em média por jogo) e Tatiane Pacheco (15 minutos de média e 3,7 pontos por partida).

Foto: Fiba Américas