PUBLICIDADE

Cristian Garin vence final inusitada no Rio Open de tênis

PUBLICIDADE

Por Redação do Esporte Jundiaí
Foto: Divulgação

Se a final do Rio Open não foi exatamente o que a torcida brasileira estava esperando, para Gianluca Mager e Cristian Garin a sétima edição do maior torneio da América do Sul será inesquecível. Isso porque os dois chegaram pela primeira vez em uma decisão de ATP 500 no Rio de Janeiro e alcançaram no Brasil as melhores marcas de suas carreiras no ranking mundial. 

Uma decisão que nem mesmo especialistas de tênis poderiam prever. Especialmente pela presença do italiano, que saiu do quali do torneio e sequer tinha feito qualquer final de ATP em sete anos de carreira.

Se Mager eliminou nas quartas de final a maior estrela do Rio Open, o número 4 do mundo Dominic Thiem, que não fez boa passagem pelo torneio, ele encontrou Cristian Garin em grande fase na final. 


O chileno de 23 anos chegou embalado ao Brasil, com quatro finais de ATP 250 no último ano - venceu três delas. Melhor nos momentos decisivos da partida, Garin conseguiu manter a boa fase e parar a campanha surpreendente do italiano no Brasil. 

O chileno conquistou o Rio Open por 2 sets a 0, parciais 7/6 (3) e 7/5, e é agora o atual número 18 do mundo. Com o vice, Mager entra pela primeira vez no top-100. Ele sai da 128ª posição para se tornar o número 77 do ranking.
Cristian Garin vence final inusitada no Rio Open de tênis Cristian Garin vence final inusitada no Rio Open de tênis Reviewed by Thiago Batista on 23:55 Rating: 5
PUBLICIDADE