PUBLICIDADE

Após vitória do Santos, Jesualdo fala em pressão

PUBLICIDADE

Por Redação do Esporte Jundiaí

O Santos venceu o Delfín por 1 a 0, na Vila Belmiro, na última terça-feira, pela segunda rodada da Libertadores 2020. Para o técnico Jesualdo Ferreira a equipe sentiu a pressão de jogar com o estádio vazio, apesar da vitória.

“São três vitórias. Não foi um jogo fácil, não atingimos o nível de outros jogos, com nossa qualidade. Os jogadores sentiram uma pressão muito grande, com a responsabilidade do jogo. Eles se sentiram mais à vontade na Argentina. Mas foi uma vitória, mais uma e num espaço curto, há o cansaço, claro, e outra parte que tem a ver com a pressão. Tenho experiência de jogar sem público e não é bom. É um campo neutro, sem pressão”, explicou.

O comandante também fez sua análise sobre o jogo e ressaltou a importância de ser líder, tanto na Libertadores, quanto no estadual. "A equipe nunca teve o jogo controlado, não controlou a bola como fizemos em outros jogos. Então passamos por problemas. Houve falta de controle e isso nós fazemos bem. Mas é preciso destacar a importância da vitória e a liderança do grupo. É nosso 11º jogo, Santos lidera o Campeonato Paulista e a Libertadores. Isso que é importante valorizar”, afirmou.

Com a vitória, o Santos chegou a seis pontos na competição internacional e ocupa o primeiro lugar do Grupo G. No sábado (14), a equipe da baixada tem o clássico contra o São Paulo, às 19h, no Morumbi. 
Após vitória do Santos, Jesualdo fala em pressão Após vitória do Santos, Jesualdo fala em pressão Reviewed by Thiago Batista on 12:43 Rating: 5
PUBLICIDADE