26/04/2020

Em que mundo estão? GM de Jundaí precisa dar “apito final” para jogo



Mais de 4mil pessoas já morreram no Brasil por causa da covid-19, o novo coronavírus. A principal recomendação dos grupos médicos em todo planeta é o isolamento social. Ou seja, não poder se aglomerar com outras pessoas. Só que tem pessoas que “vivem no mundo da lua”, que não estão nem aí para a saúde do próximo, e somente pensa no seu próprio umbigo. Só que felizmente algumas autoridades fazem valer a sua força e interrompem a aglomeração da forma que tiver que ocorrer.

Neste domingo, um jogo de futebol em Jundiaí precisou ser encerrado não por juiz vestido de preto com um apito na boca e sim por guarda municipais, trajando seus uniformes pesados de cor azul, e com cacetetes na mão. A partida entre atletas amadores ocorria em um campo localizado no bairro do Jardim Novo Horizonte. A medida vai em desencontro aos decretos municipal e estadual que é para evitar aglomerações em locais públicos ou privados, e especialmente as medidas sanitárias em todo planeta – já que a covid-19 o principal meio de transmissão é de um pessoa infectada passar para outro, através mesmo de um contato físico – como um abraço por exemplo.


Os GMs orientaram os atletas que disputavam a partida para encerrarem de forma imediata a partida e irem para suas residências. Alguns jogadores protestaram contra a orientação da Guarda Municipal que não tolerou que fosse retomado o jogo de futebol – como deve ser neste momento. Lembrando que em quase todo o planeta não está ocorrendo jogos profissionais de futebol – as exceções são os países fechados, com governos com ditadores no seu comando - Belarus (antiga Bielorrússia), Nicarágua e Turcomenistão.

Em grupos de WhatsApp, jogadores de futebol reclamam não ter como disputar partidas de futebol, e que sentem saudades das famosas “peladas”. Alguns apelam para jogar uma partida de “forma clandestina”, mostrando que o importa é o seu umbigo.

Durante semana o Esporte Jundiaí ficou sabendo de partidas de futebol que estão ocorrendo em chácaras e sítios entre jogadores do futebol amador, postando as fotos nas ruas redes sociais.

Por Thiago Batista (que defende o isolamento social neste momento, e não ter jogos de futebol) /// Foto: Divulgação - JJ
Em que mundo estão? GM de Jundaí precisa dar “apito final” para jogo Em que mundo estão? GM de Jundaí precisa dar “apito final” para jogo Reviewed by Thiago Batista on 20:30 Rating: 5