Vinte e duas mil camisetas de edições passadas da Maratona do Rio e da Uphill Marathon, em Santa Catarina, serão doadas para serem transformadas em máscaras de proteção contra a covid-19. Costureiras do Senai-Cetiq, do Rio de Janeiro, serão responsáveis pela confecção de 45 mil peças.

As máscaras, que, por serem de tecido, podem ser reutilizadas, serão doadas para órgãos da Prefeitura do Rio - como Companhia de Engenharia de Tráfego, Superintendência Regional da Zona Sul e as secretarias de Turismo, Esportes, de Ordem Pública e Parque e Jardins - e também para comunidades da Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina.

Para João Traven, sócio da Spiridon Eventos, que, em parceria com a Dream Factory, organizam a Maratona do Rio, o objetivo dessa iniciativa é ajudar no combate ao novo coronavírus.

“A Maratona do Rio é sinônimo de saúde e queremos contribuir para que todos fiquem bem. Fazer a doação para esses órgãos da nossa cidade acabou sendo uma escolha muito natural. Afinal, eles nos ajudam bastante na organização da prova. Ficamos felizes em ajudar”, afirma João Traven.

Por Redação Esporte Jundiaí /// Foto: Divulgação