PUBLICIDADE

Advogado de Joaci fala que composição da Série A pode ser definida na Justiça

PUBLICIDADE


A composição dos times participantes da Série A do Campeonato Amador de Jundiaí pode ser definida de forma judicial, segundo disse Wellington Ferrera, advogado de Joaci Ferreira, que também prestará assessoria jurídica ao seu cliente neste período para definição dos novos rumos que a Liga Jundiaiense de Futebol tomará. Em entrevista ao Esporte Jundiaí, doutor Wellington declarou que atos praticados na antiga gestão podem ser considerados inválidos na Justiça, conforme o despacho da 1ª Vara Cível de Jundiaí na última semana.

“Para compor as divisões a gente precisa ver como era em 2015 que foi o último ano que não estava o Serginho, e pegar a situação destes times se estavam regulares. Os times que foram convidados a partir e participam da 1ª divisão a gente irá fazer um documento para informar o juiz que eles foram inseridos como convidados e pedir que o juiz faça uma sabatina com eles, para ver se concorda com a participação deles ou não na 1ª divisão”, disse Wellington.  

“A gente precisa ver a situação de todos os times, de como chegaram a 1ª divisão. Quem subiu no campo esse direito vai ser mantido. A gente precisa regularizar primeiros os times. A parte jurídica vai ser feita dentro que o juiz determinou. Só que temos uma ferramenta importante que é o Ministério Público, sempre nossos pedidos serão encaminhados ao MP”, completou Wellington, que rechaçou qualquer possibilidade por causa da decisão da última semana de não ter campeonato, com tudo sendo informado a Justiça e também ao Ministério Público.

A possibilidade de começar o campeonato, especialmente da 1ª divisão, deverá ser em setembro segundo o advogado, nem que seja em formato reduzido. Wellington acredita que em um mês é possível organizar toda a situação para regularizar os clubes e até mesmo começar o campeonato.

Clubes que decidiram não jogar o Amador desta temporada, como Estrela da Ponte anunciou em janeiro, segundo o advogado, se desejarem voltar atrás da sua decisão, podem participar, já que nenhuma reunião sobre a competição ocorreu até então.

Eleições
Segundo o advogado, para realizar a eleição, conforme determinação judicial, precisa regularizar a situação dos clubes, por conta da documentação dos clubes. “A eleição somente pode ser validada quando todas as entidades estiveram cadastradas. E o estatuto tem que estar de acordo com o Código Civil, caso o estatuto não esteja o administrador Joaci terá que pedir ao juiz para fazer as eleições com o estatuto fora da lei. Teremos que observar qual estatuto está vigente no cartório e já está adequado ao Código Civil de 2002”, afirmou Wellington, que acredita que a eleição deve ocorrer apenas no mês de dezembro ou no começo de janeiro.

Wellington participou do Amador
Wellington Ferreira, atualmente com 44 anos, é uma figura conhecida do futebol amador de Jundiaí. Ele atuou como lateral-direito e meio-campista entre 2000 e 2006, jogando pelo Juventude e Botafogo, ambos do Vila Esperança. No Fogão, foi vice-campeão na temporada 2006, quando perdeu a final para o Estrela.

No Botafogo, ele jogou ao lado do seu irmão, Thui. Também participou de comissão técnica do alvinegro da Vila Esperança entre 2005 e 2007. Logo depois cursou direito, entre 2008 e 2013 – ano da sua formação. Passou no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e assim pode advogar desde 2015. Seus trabalhos são mais em casos cíveis, trabalhistas e familiares.

Por Thiago Batista
Advogado de Joaci fala que composição da Série A pode ser definida na Justiça Advogado de Joaci fala que composição da Série A pode ser definida na Justiça Reviewed by Thiago Batista de Olim on 14:00 Rating: 5

Últimas - Confira!!!

PUBLICIDADE