O Flamengo conquistou na noite desta quarta-feira (15), no vazio estádio do Maracanã, o bicampeonato carioca. A vitória por 1 a 0 contra o Fluminense foi quase o desfecho perfeito para um campeonato confuso, pois o jogo caminhou para um empate sem gols. 

A competição teve muitos questionamentos na justiça seja de atos dentro e fora do campo, em meio a uma pandemia do novo coronavírus, que já matou 75mil brasileiros – curiosamente a atual capacidade do maior estádio do Rio de Janeiro. 

E para completar o jogo final foi de baixo nível técnico. Vitinho salvou a partida, com um gol nos acréscimos da segunda etapa, com a bola ainda desviando na zaga.

O Flamengo conquista o título carioca com a campanha de 14 vitórias, dois empates e apenas uma derrota. 

Foram 34 gols anotados pelo time de Jorge Jesus e sua defesa foi balançada apenas 11 vezes.

O primeiro tempo do Fla-Flu teve poucos lances emocionantes. A melhor chance do Fluminense foi em finalização dentro da grande área do baixinho Marcos Paulo, em jogada de contra-ataque. O Flamengo chegou com perigo em chute de fora da área de Willian Arão e finalização dentro da grande área de Pedro.

O segundo tempo foi de mais equilíbrio, mas sem chances de finalização das duas equipes, e os dois goleiros quase não trabalharam.

Aos 50 minutos, Vitinho arriscou chute, a bola desviou na zaga do Flu e entrou mansamente no gol defendido por Muriel. Melhor para o Flamengo, que assim pode comemorar o seu 36º título estadual na sua história.

FLAMENGO
1

FLUMINENSE
0


1





27



3

4



3

33

13



16

2



6












5

8




25









20

22

7

14

27



77

11













21





9


1 – Diego Alves
13 – Rafinha
2 – Gustavo Henrique
3 – Rodrigo Caio
4 – Léo Pereira
16 – Filipe Luís
6 - Renê
5 – Willian Arão
8 – Gerson
10 – Diego
7 – Éverton Ribeiro
14 – Arrascaeta
19 - Michel  
27 – Bruno Henrique
21 – Pedro
11 - Vitinho 

Técnico: Jorge Jesus

27 – Muriel
2 – Gilberto
15 – Michel Araújo
3 – Matheus Ferraz
33 – Nino
6 – Egídio
25 – Hudson
20 – Yago Felipe
70 – Caio Paulista
22 – Dodi
19 – Felippe Cardoso
77 – Nenê
11 – Marcos Paulo
16 – Fernando Pacheco
99 – Evanílson
10 - Ganso

Técnico: Odair Hellmann
Placar agregado: Flamengo 3 x 1
Vitinho, aos 50min do 2º tempo (1-0)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha
Assistentes: Rodrigo Figueiredo e Thiago Henrique Farinha
VAR: João Batista de Arruda
AVAR: Rodrigo Carvalhães de Miranda e Daniel do Espírito Santo Parro
Maracanã, no Rio de Janeiro
Jogo sem público, devido a covid-19

Por Thiago Batista
Arte Thiago Batista