Uma voz das mais importantes do rádio brasileiro se calou hoje. Uma voz que documentou e emocionou a primeira grande conquista do Paulista, de Jundiaí, na sua história no futebol profissional. Narrador do acesso do Paulista na temporada 1968, quando transmitiu a vitória do Galo sobre o Barretos por 3 a 1, na Rádio Bandeirantes, o jornalista José Paulo de Andrade morreu nesta sexta-feira (17), em São Paulo, aos 78 anos. Ele é mais um das mais de 70mil vidas perdidas pela covid-19.

Ele trabalhou por 57 anos na Rádio Bandeirantes e ficou conhecido por apresentar o programa "O Pulo do Gato" desde que estreou em 1973. Ele começou a trabalhar na rádio como narrador esportivo em 1963.

Zé Paulo, como era chamado pelos amigos, também era bacharel de Direito formado pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco, da Universidade de São Paulo (USP). Ele começou a carreira profissional em 1960 como radioescuta do plantão esportivo da Rádio América de São Paulo.

O jornalista também participou de debates políticos na televisão e foi âncora de telejornais como Titulares da Notícia, Jornal de São Paulo, Rede Cidade, Band Cidade e Entrevista Coletiva. Ainda na TV Bandeirantes, interpretou Don Diego/Zorro em As Aventuras do Zorro, em 1969.

Ele deixa mulher, dois filhos e inúmeros fãs no país, especialmente os Tricolores de Jundiaí que se emocionaram e se emocionam com os gols narrados por ele na vitória do Galo sobre o Barretos por 3 a 1, em dezembro de 1968.


Por Thiago Batista
Foto: Divulgação