A possibilidade de retomada do Campeonato Gaúcho em breve foi freada pelo governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. Nesta segunda-feira, durante uma live, ele até elogiou os protocolos preparados pela federação estadual, mas deixou claro que a volta do futebol nesse momento não é uma "prioridade".

Em reunião recente, representantes da Federação Gaúcha de Futebol (FGF) apresentaram documento em que previam a volta do Estadual para 19 de julho. Para o governador, porém, a disputa dos jogos, mesmo sem a presença de torcedores nos estádios, vai provocar aglomerações de pessoas para assisti-las pela TV.

"O retorno do futebol neste momento não é uma prioridade. Por mais que seja com portões fechados, provocará aglomerações de amigos. Precisamos ganhar tempo", afirmou Leite.

Por Redação Esporte Jundiaí