PUBLICIDADE

Luto no jornalismo esportivo. Morre Rodrigo Rodrigues

PUBLICIDADE


O jornalismo esportivo brasileiro está de luto nesta terça-feira (28). Aos 45 anos, morreu o apresentador Rodrigo Rodrigues, que estava a frente de programas como Troca de Passes e Globo Esporte em São Paulo. Ele foi vítima de complicações decorrentes da covid-19. O Grupo Globo confirmou o falecimento do jornalista, em nota divulgada. O jornalista estava internado desde o último sábado na unidade de terapia intensiva do hospital da Unimed, no Rio de Janeiro.

Rodrigo Rodrigues apresentou o Troca de Passes pela última vez no dia 9 de julho, quando relatou que um amigo com quem tivera contato recente testou positivo. No dia 13, o apresentador fez o exame, que também diagnosticou a covid-19. Desde então, cumpriu o isolamento em casa, com acompanhamento da equipe médica da Globo.

Matéria do Uol Esporte na segunda-feira (27), o comentarista Alê Oliveira (do Esporte Interativo) pediu desculpa por um encontro que ocorreu em São Paulo com Rodrigo, dando a entender que foi esta viagem que fez o amigo contrair o covid-19.

No relato, Alê disse que está passando "por um momento muito difícil" e que poucas pessoas lhe estenderam a mão nessa hora - uma delas, Rodrigo Rodrigues, de quem é amigo desde que passaram a trabalhar juntos na ESPN Brasil, em 2011.

Essa visita já era assunto entre amigos de Rodrigo e Alê, e na própria Turner, faz alguns dias. Segundo apurou o UOL Esporte, Rodrigo Rodrigues foi mostrar o seu apartamento em São Paulo para Alê, que queria alugá-lo, já que o apresentador se mudou para o Rio em razão do trabalho no Sportv.

O encontro citado aconteceu no dia 4 de julho, um sábado. Após esse encontro, tanto Alê Oliveira como Rodrigo Rodrigues manifestaram sintomas de covid-19.

Inicialmente, apresentou sintomas leves, como falta de paladar e olfato, mas disse que se sentia bem. No entanto, a situação mudou no último sábado, quando deu entrada no hospital com vômitos, desorientação e dor de cabeça.

De acordo com o boletim médico do hospital, foi diagnosticada uma trombose venosa cerebral, e o apresentador passou por uma cirurgia na noite de domingo para aliviar a pressão intracraniana. Nesta terça, porém, ele não resistiu e teve morte encefálica confirmada.

Rodrigo Rodrigues iniciou sua carreira em 1995 na Rede Vida. Desde então passou por grandes emissoras do país: TV Cultura, Band, SBT, Espn Brasil, TV Gazeta, Esporte Interativo, Rádio Globo e Grupo Globo – SporTV / TV Globo. Também passou um período como apresentador de um programa na internet da revista Placar.

Dentro e fora da televisão, Rodrigo Rodrigues tinha outra paixão que carregava desde a infância: a música. Em participação no "Domingão do Faustão" em março de 2020, ele contou que o interesse pelas artes começou cedo, com o desenho. Na sequência, veio o violão.

Por Redação Esporte Jundiaí
Foto: Divulgação
Luto no jornalismo esportivo. Morre Rodrigo Rodrigues Luto no jornalismo esportivo. Morre Rodrigo Rodrigues Reviewed by Thiago Batista de Olim on 13:05 Rating: 5

Últimas - Confira!!!

PUBLICIDADE