O Grupo Globo provocou um verdadeiro barulho nesta quinta-feira (2), no horário do almoço. Primeiramente a emissora anunciou a rescisão de contrato com a Ferj e os 11 clubes que possui contrato de direitos do Campeonato Carioca e minutos depois a emissora conseguiu uma liminar, em segunda instância, através a Sétima Câmara Cível do Rio de Janeiro, que impede o Flamengo de transmitir os seus jogos em seus canais oficiais, como o Youtube, através da Fla TV.

A liminar com a relatoria do desembargador Ricardo Couto de Castro, junto com a rescisão de contrato por parte da emissora, o Campeonato Carioca fica sem qualquer tipo de transmissão.

Por conta dos direitos do Campeonato Carioca, Globo e Flamengo estão em queda de braço nos bastidores. O clube já chegou a citar "abuso" por parte da emissora e se sente amparado à Medida Provisória 948, que garante o direito de transmissão ao mandante das partidas - como é o caso do Fla hoje.

Na última segunda, cabe lembrar, o juiz Ricardo Cyfer, da 10ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), indeferiu o pedido de liminar da Globo e, consequentemente, manteve a posição da nova MP, medida agora derrubada em segunda instância, através da 7ª Câmara Cível do Rio.

Mais cedo, o Grupo Globo divulgou um comunicado oficializando a rescisão de contrato com os times de futebol do estado do Rio de Janeiro com quem tinha contrato para transmissão do Campeonato Carioca.

"No entendimento da Globo, o contrato foi violado ontem, quando a FlaTV exibiu ao vivo a partida entre Flamengo e Boavista. De acordo com o contrato, a Globo tinha exclusividade na transmissão dos jogos do Campeonato Carioca. Federação e onze Clubes assinaram o compromisso. A exceção foi o Flamengo", justifica a emissora no comunicado de rescisão.

"Na ocasião da assinatura e por várias temporadas em que o contrato foi cumprido, a legislação brasileira previa que, para a transmissão de qualquer partida, era necessária a obtenção de direitos dos dois Clubes envolvidos. Legalmente, ninguém poderia transmitir os jogos do Flamengo no Carioca e só a Globo poderia transmitir os demais", alega na nota.

Na ação judicial, a emissora já havia ameaçado rescindir o contrato caso o Flamengo fizesse a transmissão. A promessa foi cumprida.

Na ação judicial, a emissora já havia ameaçado rescindir o contrato caso o Flamengo fizesse a transmissão. A promessa foi cumprida. A transmissão de Flamengo x Boavista pela FlaTV nas redes sociais bateu recorde de audiência e se tornou a live esportiva que mais atraiu espectadores simultâneos no YouTube, com 2,1 milhões de visualizações ao mesmo tempo.

Somando YouTube, Facebook e Twitter, o jogo do Campeonato Carioca chegou a atrair mais de 2,2 milhões simultâneos, o que o coloca na condição de maior transmissão esportiva da web.

Por Thiago Batista