PUBLICIDADE

Jundiaiense Lucas Piton faz assistência para vitória do Corinthians sobre o Coritiba

PUBLICIDADE


O Corinthians não era para ter dificuldades frente a pior equipe do Brasileirão, o Coritiba, que perdeu os três primeiros jogos na competição. Só que teve. E a vitória por 3 a 1 sobre o Coxa foi decretada aos 40 minutos do segundo tempo, em assistência de Lucas Piton, para gol de Gustavo Silva, o Mosquito.

 

O time preto e branco teve que superar muitas barreiras – até mesmo que ele mesmo armou. Ainda mais que o adversário “ajudou” com a expulsão do meia Yan Sassé, aos 15 minutos de jogo. E contou ainda com uma “ajudinha” da arbitragem que marcou uma penalidade inexistente e mandou voltar de forma “exagerada” a cobrança.

 

O Corinthians teve 23 finalizações durante todo o jogo, com 13 sendo ao gol. Só que encontrou dificuldades em marcar, pois às vezes Wilson salvava, ou na maioria das vezes os defensores do Coxa tiravam.

 

O alvinegro teve 17 finalizações dentro da área – mais que o dobro que teve por exemplo contra o Atlético Mineiro (foram seis). Outro ponto importante que o alvinegro teve ótimo aproveitamento em passes – foram 92% de acerto na precisão.

 

O Coritiba mesmo jogando a partida com um a menos por 75 minutos não lhe faltou coragem – foram 9 finalizações, sendo quatro ao gol defendido por Cássio.

 

O Corinthians poderia abrir o placar em um pênalti, aos 25 minutos – falta inexistente de Patrick Vieira em Léo Natel. Jô cobrou a penalidade duas vezes, e perdeu ambas – após a primeira cobrança, ocorreu nova tentativa pois o VAR observou que Wilson se adiantou para fazer a defesa.

 

O Corinthians abriu o placar aos 38 minutos com Léo Natel, em chute de fora da área, que desviou em Robson. Seis minutos depois o Coxa empatou com Sassá, em finalização na pequena área. No começo do segundo tempo, logo aos 4 minutos, o Timão fez o segundo gol com Jô, de cabeça, após cruzamento de Araos.

 

A vitória foi decretada aos 40 minutos, em excelente cruzamento de Lucas Piton, que encontrou Gustavo Silva, o Mosquito, na área, acertar o chute e decretar a vitória por 3 a 1.

 

Piton entrou aos 25 minutos do segundo tempo e no jogo tocou 28 vezes na bola, acertando 22 dos 24 passes que teve no período que esteve em campo, com dois cruzamentos efetuados.

 

Foi a primeira vitória do alvinegro na competição que agora soma quatro pontos e ocupa a 10ª posição. O Coritiba segue em último e zerado na pontuação.

 

Na próxima rodada, no domingo (23), o Coxa encara o Bragantino, fora de casa, às 16 horas; enquanto o Corinthians somente joga na próxima quarta-feira (26), novamente em casa, contra o Fortaleza, às 21h30.

 

Por Thiago Batista

Foto: Divulgação

Jundiaiense Lucas Piton faz assistência para vitória do Corinthians sobre o Coritiba Jundiaiense Lucas Piton faz assistência para vitória do Corinthians sobre o Coritiba Reviewed by Thiago Batista de Olim on 23:25 Rating: 5

Últimas - Confira!!!

PUBLICIDADE